Criança

Veja 4 maneiras de deixar as refeições em família mais felizes

Essas quatro dicas podem ajudar seus filhos a comer melhor

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Pegue o que seu filho não comeu no almoço e componha um lanche da tarde (Foto: Shutterstock)

Pegue o que seu filho não comeu no almoço e componha um lanche da tarde (Foto: Shutterstock)

Fazer mudanças na maneira com que você alimenta seus filhos pode surtir efeitos positivos nos seus próprios hábitos alimentares e também reduzir a tensão (e seu nível de stress) na mesa do jantar. Aqui estão quatro resoluções a serem consideradas para que seus filhos comam melhor:

Leia também

10 passos para uma alimentação saudável na gravidez

Anúncio

FECHAR

Como alimentar seu filho em cada fase da infância

Boa alimentação no pós-parto também é essencial

1- Pare de dizer “só mais duas garfadas”
“Você tem que dar mais duas garfadas no frango e uma na cenoura”. Não. Permita que seus filhos decidam o quanto querem comer. Se eles comerem pouco na hora das refeições, tente pegar o que sobrou nas vasilhas e panelas para compor um lanche da tarde. Servir queijo, vegetais, frutas e castanhas, em vez de lanches gordurosos, como bolachas, pode resolver o problema das crianças que pulam as refeições para comer apenas doces ou frituras à tarde.

2- Sirva legumes antes das refeições
Muitas crianças comem somente a massa ou a batata nas refeições e deixam de lado os brotos, verduras e legumes. Mas, se você serve os vegetais em outras horas do dia, é mais fácil de seus filhos encará-los, pois não há nenhuma outra comida perto. Uma dica é dar um legume uma hora antes do jantar, porque, nesse momento, também existe o fator fome, que faz com que seu filho experimente aquela cenoura.

3- Tire a sobremesa do pedestal
Sobremesas não têm que ser troféu e segurá-las não deveria ser uma punição. Não use a sobremesa como ferramenta de barganha e não faça seu filho comer certa quantidade de comida para consegui-la. O que pode ser feito é servi-la junto com o jantar, assim, os pais mostram que ela é tão gostosa quanto os outros alimentos.

Alimentação infantil em diferentes escolas do mundo

10 passos para garantir uma alimentação saudável para seu filho

Ajudei meu filho a superar bullying por causa de obesidade, relata mãe

4- Faça apenas uma refeição
Não se proponha a fazer múltiplas refeições, como um restaurante. Nada de fritar nuggets caso seu filho não goste do prato principal. Quando você serve apenas o almoço ou jantar, há mais motivação para seus filhos experimentarem o que todos os outros estão comendo e fazerem-se mais adaptáveis. Além de tudo, há uma lição importante envolvida para o seu pequeno: nem toda refeição será a preferida dele. Mas lembre-se que você pode continuar a fazer os pratos preferidos de cada pessoa da sua família e tenha certeza de que sempre tenha alguma coisa na mesa que todos gostem, mesmo que seja uma simples fruta ou um prato com porção de cenouras.

E você, está fazendo o quê para melhorar a alimentação do seu filho?

3 receitas deliciosas e fáceis de fazer ricas em vitamina C

Consumir ômega 3 na gravidez ajuda no desenvolvimento do bebê

Conheça o Melting Pot, restaurante de Orlando especializado em fondue