Gravidez

7 relatos de nossas leitoras que comprovam a confusão do cérebro da grávida

É uma história melhor do que a outra

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Shutterstock)

(Foto: Shutterstock)

Recentemente, postamos uma matéria com relatos de mães norte-americanas que mostravam como elas se sentiam confusas e distraídas durante a gestação. Isso é tão comum que, nos comentários da matéria no Facebook, as nossas leitoras compartilharam suas próprias histórias. Confira aqui 7 situações que selecionamos:

1- “Fui limpar a casa da minha patroa e levei o meu aspirador de pó. Quando acabei de limpar a casa, coloquei o aspirador perto do porta-malas e voltei para trancar a casa. Entrei no carro e fui embora sem o aspirador. Só me dei conta no outro dia, quando fui abrir o porta-malas e ele não estava lá” – Maria Karolina David Josue.

2- “Na noite anterior ao nascimento do meu filho, tirei a aliança do dedo porque estava apertada. No dia seguinte, logo após o parto fiquei procurando a aliança e pensei que tinha perdido no hospital. Liguei para casa e fiz todo mundo procurar por lá. Não me lembrava de nada, foi um apagão geral na minha cabeça. Somente uma semana depois achei. Havia colocado no bolso do pijama que dormi naquele dia” – Andressa Cidrão Dantas.

Anúncio

FECHAR

Leia também

6 sintomas estranhos da gravidez que você não conhecia

Por que estou tão distraída e esquecida durante a gravidez?

6 supercomidas para o cérebro

3- “Coloquei sabão na máquina de lavar, liguei e deixei encher um pouco antes de colocar a roupa. Esqueci. A maquina fez o ciclo completo sem nenhuma peça de roupa dentro. Só lembrei horas depois, quando fui estender a roupa e vi que ela ainda estava seca e suja do lado de fora da máquina” – Glorinha Leão.

4- “Esqueci a profissão do marido. Era uma visita ao médico e, na recepção, veio a pergunta: “profissão do marido?”. Eu olhei para ele e disse: “Qual a sua profissão? Fala aí”. A secretária me olhou sem entender nada” – Maraiza Moreton.

5- “Larguei meu celular na parte de balas do balcão da farmácia por volta das 10h da manhã. Só dei falta dele à noite” – Alynne Costa.

6- “Entrei em uma padaria e fiz algumas compras. Morrendo de fome, pedi um pastel de forno para levar e comer no caminho, no trânsito. Já no carro, pensei em quanto estava morrendo de fome e havia me esquecido de comprar algo para comer. Horas depois, guardando as compras em casa, vi o pastel e não conseguia acreditar que passei o trajeto com fome sendo que tinha comprado o pastel!” – Lucia Cotrim.

7- “Estava grávida e me esqueci de colocar o capacete para andar de moto com o meu marido. O resultado: fomos parados pela polícia” – Dany Morena.

*Os textos foram editados por conta do tamanho.