Gravidez

6 sintomas estranhos da gravidez que você não conhecia

Todo mundo costuma esperar pelo enjoo matinal e ânsias estranhas durante a gravidez, mas existem vários outros sintomas que você pode não saber

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

sintomas estranhos da gravidez

Muitas gestantes encontram problemas que as amigas ou as próprias mães nunca enfrentaram durante a gravidez. Alguns sintomas simplesmente passam despercebidos e logo bate o desespero de achar que algo está errado com a gestação. Conheça algumas condições que você pode enfrentar.

Sensibilidade dental

Anúncio

FECHAR

Você pode descobrir que, junto com outras partes do corpo, sua gengiva incha graças às mudanças nos níveis de estrógeno e progesterona, assim como o aumento do fluxo sanguíneo. Quando a mulher está grávida, a gengiva pode ficar cheia de sangue, criando profundas bolsas, que resultam em sangramento ao escovar os dentes ou passas fio dental.

Caso você note sangramento significativo, mesmo que não esteja escovando os dentes, deve consultar seu dentista. Ele procurará por gengivite, inflamação da gengiva e periodontite, uma severa condição que afeta os ligamentos próximos e o osso, e que pode estar associada a um alto risco de parto prematuro, entre outros problemas.

A recomendação a ser seguida é fazer um acompanhamento com o dentista, realizando duas limpezas durante a gestação e ter uma boa higiene bucal em casa. Felizmente, problemas dentais tendem a ser resolvidos rapidamente depois de diagnosticados.

Problemas nasais

Congestão, sangramento e ronco: prepare-se para tudo isso. Por que? As suas cavidades nasais também incham na gestação, graças aos hormônios e esse inchaço diminui a área para a circulação do ar. Seu nariz  pode também sofrer com ressecamento, que só tende a piorar no inverno.

Entretanto, você pode aliviar um pouco do desconforto usando soluções nasais, um umidificador de ambientes ou ainda gastar uns minutinhos fazendo inalação, até a fumaça do chuveiro irá te ajudar! Depois da gravidez, todos esses sintomas desaparecem, ainda bem!

Desconforto abdominal

O aumento da progesterona diminui o período de trânsito da sua comida no seu estômago até o intestino, o que pode levar à constipação. Mais do que isso, vitaminas de pré-natal fazem com que o seu corpo absorva mais água, o que pode tornar mais difícil a passagem de todo o alimento pelo trato intestinal.

Se você ficar constipada, alterne suas vitaminas de pré-natal com uma vitamina sem ferro por um curto período de tempo, já que o ferro nas vitaminas prende muito o intestino. Beba muito líquido (água, de preferência), e trabalhe nas fibras, ingerindo muitas frutas, vegetais e todos os tipos de grãos. Você pode também tentar ingerir fibras em cápsulas, que segura a água no seu intestino e faz com que os sólidos passem mais facilmente. Entretanto, evite laxantes, que estimulam o movimento intestinal e podem diminuir a hidratação e afetar a absorção dos nutrientes.

Distensão das veias

O crescimento do seu bebê exige um grande suprimento de sangue para transportar oxigênio extra e nutrientes. Perto das 20 semanas, o volume de circulação do sangue  cresce em 50%. É comum que alguns vasinhos estourem nas pernas e nos pés. Não existe forma de preveni-los, mas para diminuir a dor e o inchaço, eleve as suas pernas sempre que puder. Em casos mais sérios, é recomendável usar meias de compressão ao sair de casa.

O outro tipo de distensão envolve sangramento e tecido saliente na região anal. Eles são causados pelo aumento da pressão venal nessa área, junto com o peso do seu bebê. Para diminuir a inflamação e a dor, são utilizados cremes, almofadas medicinais e banhos quentes. Depois que o seu filho nascer, ambos os problemas tendem a se suavizar muito, mas não a sumir completamente.

Coisas de pele

Você provavelmene ouviu dizer que os hormônios da gravidez podem causar acne, sensibilidade ao sol e escurecimento da pele (normalmente em volta dos mamilos, no rosto e em uma faixa na parte inferior da barriga). Mas você pode se surpreender ao descobrir que de repente você tem um monte de manchinhas no corpo que, normalmente, ocorrem em lugares que a sua pele fica raspando com ela própria, ou com as roupas, como na linha do pescoço, embaixo do braço ou em volta dos seios.

Certifique-se de usar protetor solar nas partes sensíveis e saiba que os problemas com a pele desaparecem com o fim da gravidez, exceto a pigmentação da auréola (que provavelmente não irá clarear completamente) e as marquinhas, que o seu médico pode facilmente remover se te incomodar.

Crescimento dos pés

Seus pés e tornozelos podem apenas estar inchados agora, mas após o parto, algumas mulheres sentem que os pés cresceram. A culpa é do relaxamento dos hormônios, que soltam os ligamentos na sua pélvis para permitir que o bebê nasça, mas isso pode ter um efeito duradouro nas juntas dos pés, fazendo com que eles achatem e fiquem maiores ou mais cumpridos. O efeito pode ser temporário, então não se desfaça de todos os seus sapatos logo de cara!