Criança

Crianças autistas podem ajudar nas tarefas domésticas; Saiba quais

Auxiliar em casa é benéfico para as crianças

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

dicas para estimular as crianças a ajudarem nas tarefas de casa_abre

Crianças autistas se tornam mais independentes quando ajudam em casa (Foto: Shutterstock)

Alguns simples serviços diários, como separar as roupas para lavar e preparar refeições fáceis podem, sim, serem feitos pelas mães com a ajuda dos filhos. Esses pequenos gestos fazem com que as crianças aprendam noções de responsabilidade, organização e se integrem ainda mais com a família. A escritora Jamie Pacton contou em uma coluna da revista norte-americana “Parents” como auxiliar em casa beneficiou o tratamento do autismo de seu filho Liam, de 7 anos, e passou algumas dicas, que podem servir para todas as crianças. Veja, abaixo:

Leia mais: 

9 tarefas que você pode delegar

Anúncio

FECHAR

Peça ajuda para as crianças

Relaxa, mãe!

Procure o que tem a ver com os interesses das crianças 

Para começar a inserir a garotada na rotina das tarefas domésticas é interessante buscar afazeres parecidos com os gostos. Se o seu filho é como o da colunista Jamie Pacton, que adora cheiro do café, peça ajuda para encher a chaleira com a água que será fervida para preparar a bebida, por exemplo.

Não force a barra

É importante manter altas expectativas em relação ao seu filho com necessidades especiais, mas é essencial deixá-lo desenvolver todos os passos no próprio tempo. Isso será interessante para toda a vida dele, pois vai conseguir perceber as habilidades e se tornar independente. Seja paciente porque, mais importante do que ensinar uma criança a escovar os dentes aos 3 anos e fazer com que ele aprenda a fazer isso sozinha.

dicas para estimular as crianças a ajudarem nas tarefas de casa_miolo

Ensinar os pequenos autistas a arrumarem as coisas os deixa mais confiantes (Foto: Shutterstock)

Deixe claro que é uma função e não brincadeira

Outra dica importante é de fato deixar a meninada trabalhar e não apenas ocupada. Faça com que elas ajudem a fazer um sanduíche em vez de brincar com falsas comidas, por exemplo. “Meu filho sempre valorizou muito o real. Todas as tarefas que o fazíamos com brinquedos o deixava frustrado”, relata Jamie.

Todas as faces do autismo

Autismo: a luta para sair do casulo

Deixe fazer sozinho às vezes

À medida que a criança for ficando mais confortável e habilidosa, é uma boa hora para ensiná-la outras funções e deixá-la fazer algumas sozinhas. Com isso, ela vai ganhar independência e autoestima. “Quando Liam derruba um copo d’água, ele sabe que precisa pegar um pano para limpar. Se eu vou para lavanderia, ele também corre para me ajudar”, conta a colunista.

7 dicas para organizar sua vida

6 dicas para manter a casa arrumada