Criança

Criança em casa, atenção redobrada! Saiba como evitar acidentes domésticos

Veja alguns cuidados simples que fazem a diferença na segurança da casa

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Shutterstock)

De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 6 mil crianças são vítimas de acidentes domésticos (Foto: Shutterstock)

Acidentes domésticos são algo que quase nunca imaginamos que possa acontecer com a gente. Mas dá para prevenir algumas dessas situações com medidas simples que te mostramos aqui.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, cerca de 6 mil crianças são vítimas de acidentes domésticos a cada ano, que são as principais causas de mortes e ferimentos na infância. Pensando nisso, o Corpo de Bombeiros divulga orientações de cuidados que os pais precisam ter.

Leia também 

Anúncio

FECHAR

Acidentes são a principal causa de mortes de crianças com mais de 1 ano no Brasil

8 dicas para prevenir acidentes domésticos com crianças

Saiba o que fazer com seu filho em caso de acidentes domésticos

Móveis

– Proteger quinas de mesas, estantes e cadeiras.

 

Cozinha

– Manter a tampa de vidro do fogão abaixada quando não estiver usando.

– Produtos inflamáveis e de limpeza devem ser mantidos longe das crianças.

 

Banheiro

– Não deixe a criança sozinha na banheira: mantenha tudo o que você precisar à mão antes de o banho começar.

– Os banhos de chuveiro precisam ser sempre acompanhados, sem esquecer-se do tapete emborrachado.

 

Quarto

– Verificar a indicação da faixa etária e a existência de selo do Inmetro quando for comprar algum brinquedo.

– Manter o berço livre de objetos que possam servir de apoio para o bebê escalar e conseguir sair.

 

Na casa

– Usar protetores na tomada.

– Nunca deixar o ferro ligado com o fio desenrolado e ao alcance das crianças.

– Facas, tesouras, chaves de fenda e outros objetos de ponta nunca devem estar ao alcance das crianças.

– Em casas que tenham piscina, deve ser colocada uma tela de proteção ou grade em volta da piscina. Toda vez que ela criança for nadar, nunca deve deixar de usar boias.

– Grades ou redes de proteção devem estar nas janelas para evitar quedas.

– As escadas devem ter corrimão e o piso deve ser antiderrapante.

*Com informações do portal do Corpo de Bombeiros do Estado de Minas Gerais