Notícias

Menina de 6 anos faz carta para defender irmão autista

Ela ouviu chamarem o irmão de "estranho"

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

menina escreve carta para defender irmão autista abre

(Foto: Reprodução Facebook)

Vamos combinar que ninguém que merece ouvir outras pessoas falarem mal de quem a gente gosta. Se for um comentário mal gosto com algo sério, como o autismo, é pior ainda. Lex, uma menina de 6 anos, passou por isso. No colégio, ela ouviu uma garota chamar seu irmão de “estranho”.

Ela ficou chateada e resolveu tomar uma atitude. Com ajuda da mãe, ela escreveu uma carta para as professoras pedindo que ensinassem os diferentes tipo de deficiências em sala de aula. “Para que todo mundo entenda que algumas pessoas são diferentes, mas todos nós devemos ser tratados da mesma forma”, justificou.

A mãe da menina postou uma foto do bilhete no Facebook cheia de orgulho e pediu para compartilharem o  post para incentivar a discussão sobre deficiências nas escolas. “Estou muito orgulhosa que ela [Lex] tenha este ponto de vista e queira mudar a forma como outras crianças vêem outras pessoas com deficiência”, disse a mãe na legenda de publicação.

Anúncio

FECHAR

Veja o que a menina escreveu na carta (em tradução livre):

“Na segunda-feira eu fiquei muito triste porque uma garota da minha sala disse que meu irmão era estranho. Meu irmão tem autismo. Ele não é estranho. Eu gostaria que nós pudéssemos aprender sobre todas as deficiências na escola, para que todo mundo entenda que algumas pessoas são diferentes, mas todos nós devemos ser tratados da mesma forma.”

carta para defender irmão autista abre

(Foto: Reprodução Facebook)

Leia também:

Autismo: um dos maiores problemas ainda é a falta de diagnóstico preciso

Autismo: a luta para sair do casulo

Crianças autistas podem ajudar nas tarefas domésticas; Saiba quais