Família

Pedreiro faz aulas de balé para acompanhar as filhas autistas

Pai ajuda filha autista na aula de balé - Reprodução
Reprodução

Publicado em 30/09/2019, às 15h19 por Adriana Cury, Diretora Geral | Mãe de Alice


Pai ajuda filha autista na aula de balé (Foto: Reprodução)

Um pedreiro está aprendendo a dançar balé para ajudar as filhas que são autistas. Joilson Santos tem 54 anos, mora em Feira de Santana na Bahia e é pai de duas meninas, Isabele e Iasmim. A família faz aula em uma instituição que abraça as alunas especiais, na sala filhas, têm mais oito crianças com o mesmo diagnóstico.

Desde março, o pai divide seu tempo entre as aulas de baléas obras em sua cidade, no no Centro Cultural Maestro Miro. O bairro onde vivem é a terceiro mais pobre da região, os moradores possuem uma rédia média de R$754, menos da metade do resto do município, segundo o IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

A dança faz parte de um método de tratamento, o Ballet Azul, cor utilizada para representar o autismo. O pai tenta acompanhar as meninas nos passos e ajudá-las quando estão com dificuldade. Com a falta de uma sapatilha, Joilson usa uma meia preta.

Pai ajuda filha autista na aula de balé (Foto: Reprodução)

O pai já participou das apresentações também e ainda comenta que tem destaque no espetáculo por ser o único homem e pai do elenco, “Ele é muito tranquilo. É o comportamento de quem sabe o que está fazendo, o que se deve fazer, sem nenhum afetamento, nenhuma exibição”, diz o diretor de atividades culturais, Luiz Augusto Oliveira.

O homem revelou que sofreu muito preconceitono começo, ouvia comentários desagradáveis na comunidade e em seu trabalho. “Quer dizer que você é bruto aqui, mas lá é mansinho”, repete, Joilson, em tom de brincadeira.  Hoje, ele já não liga mais e comenta:  “Aqui é discriminação de tudo”.

Este projeto é gratuito e é primeira vez que a instituição aposta com a ajuda dos pais durante as aulas, tornando a primeira escola a tentar esse novo método no Brasil. “Percebi que os pais seriam grandes mentores. Comecei a pedir que eles repassassem tudo que era ensinado aqui. Vi que começaram a interagir bem mais”, explica o professor Adauto Silva.

Fique por dentro das novidades no canal Pais&Filhos:

Leia também:

Menino pede para dançar com o avô antes de entrar em cirurgia e o vídeo é de aquecer o coração 

Herói! Avô consegue salvar neto de ataque de cobra

Após acidente de carro, avó cria roupas para os netos e aumenta a autoestima 


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Pai de Davi - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Pai de Davi não concorda com posição do filho e decide ir morar com Mani

Imagem Pai de Henry Borel comemora nascimento de filha três anos após tragédia

Família

Pai de Henry Borel comemora nascimento de filha três anos após tragédia

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

Viih Tube fala sobre segundo e terceiro filhos - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Viih Tube revela gravidez de segundo e adoção de terceiro filhos com Eliezer

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Virginia Fonseca - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Virginia Fonseca toma atitude após Maria Alice empurrar Maria Flor: “Dói mais na gente”

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer