Especiais / Seminário

Confira tudo o que rolou nos podcasts com os convidados do 15º Seminário Internacional Pais&Filhos

Adriana Cury e Andressa Simonini foram as primeiras convidadas do podcast 15º Seminário Internacional Pais&Filhos – Um outro “felizes para sempre” - Divulgação
Divulgação

Publicado em 28/06/2023, às 17h45 - Atualizado em 29/06/2023, às 13h02 por Redação Pais&Filhos


O 15º Seminário Internacional da Pais&Filhos está acontecendo nesta quarta-feira, 28 de junho, na Unibes Cultural em São Paulo e pela segunda vez o evento teve uma série de podcasts com convidados especiais, para alcançar ainda mais pessoas e levar conteúdo também para quem não pôde estar presente presencialmente no evento.

As conversas foram comandadas por Beto Bigatti, pai de Gianluca e Stefano e embaixador e colunista da Pais&Filhos. Todos os convidados que participaram dos bate-papos e palestras do 15º Seminário Internacional da Pais&Filhos também participaram do podcast, falando mais sobre o tema Um outro “felizes para sempre” durante podcasts. 

Beto é publicitário e, desde 2016, compartilha experiências de paternidade no blog ‘Pai Mala’. Ele criou o espaço como forma de trazer visibilidade para uma discussão que ainda precisa de muito espaço: o papel do pai de uma maneira mais leve e afetiva. Além disso, Beto aborda os desafios da paternidade sendo uma pessoa com deficiência e fala sobre temas como inclusão, representatividade e capacitismo. Ele também é autor do livro ‘Pai Mala: relatos sinceros de afeto, vínculos e imperfeições que não estão nos manuais’, lançado em 2020.

Os bate-papos foram transmitidos no perfil da Pais&Filhos no YouTube e Facebook. As conversas foram cheias de conteúdo, informação, risadas e muita emoção. Olha só um resumo de tudo o que rolou por lá:

Adriana Cury + Andressa Simonini

Adriana Cury e Andressa Simonini foram as primeiras convidadas do podcast 15º Seminário Internacional Pais&Filhos – Um outro “felizes para sempre” (Foto: Divulgação)

Adriana Cury, mãe de Alice, é Diretora Geral da Pais&Filhos. Andressa Simonini, filha de Branca Helena e Igor, é editora-executiva da Pais&Filhos.

No bate-papo, elas falaram sobre maternidade e o significado do tema do seminário. Andressa iniciou a conversa dizendo que a emoção de apresentar um novo Seminário é indescritível: “O Seminário da Pais&Filhos tem uma energia muito bacana, pelas pessoas que interagem com a gente. Eu acho que vai ser a melhor edição, é a escolha de um tema muito feliz”. 

Adriana trouxe uma convidada super especial, a filha Alice! No primeiro podcast da vida, a bebê de um ano de idade fez muito sucesso. A diretora geral da Pais&Filhos contou sobre a experiência de ter a primeira  filha após os 40 anos de idade, após muitas cobranças, e a falta de apoio do mercado de trabalho: “Muitas empresas, infelizmente, não recebem as mães como deveriam. Não entendem que a mulher está gerando um ser humano. Chega uma hora em que a sociedade desiste dessas mulheres. Chegou o momento em que as pessoas me perguntavam se eu havia decidido não ter filhos”. Confira a conversa AQUI!

Marcos Piangers

Beto Bigatti e Marcos Piangers sempre marcam presença nos Seminários (Foto: Divulgação)

Marcos Piangers, pai de Anita e Aurora, colunista da Pais&Filhos ao lado da esposa, Ana Cardoso, e autor do best-seller “O Papai é Pop 1 e 2” e do “O Poder do Eu Te Amo”. Ele é jornalista, a maior referência quando o assunto é paternidade, e comandou a palestra “Onde fica o pai nessa história?” no seminário.

Na conversa ao lado de Beto, eles comentaram sobre os desafios da paternidade, e como o exemplo de pai perfeito só existe nos contos de fada: “Meu pai ausente me deu a oportunidade de imaginar um pai perfeito, mesmo eu sendo aquele tiozão chato. A gente fala de toda essa parte de uma mãe ser sozinha, mas quando um pai também enfrenta isso, a gente não vê isso no cinema, a gente não aprende”, disse Piangers. Confira a conversa AQUI!

Alexandra Loras 

Alexandra Loras é mãe de Raphael é tem conhecimento de sobra quando se trata de maternidade (Foto: Divulgação)

Alexandra Loras, mãe de Raphael, palestrante e escritora, nascida na França, tem como objetivo empoderar mulheres dentro e fora da maternidade a serem sua melhor versão, e comandou a palestra “Era uma vez… Uma mulher” no seminário.

No podcast, ela falou como faz para conciliar o trabalho com a maternidade, e de que faz questão de sempre guardar um momento do seu dia para um tempo de qualidade com seu filho. Alexandra também comentou sobre empoderamento e a importância do autocuidado. A mãe de Raphael esclarece que se colocar no lugar dos filhos faz a relação se tornar cada vez mais preciosa: “Eu tento realmente reservar um momento diário para me desligar e tentar ter 20 minutos que seja de tempo de qualidade com meu filho […] Eu tenho um joguinho que puxa conversas para filosofias de crianças, e acho que é bom ter dinâmica de ensino e ajuda profissional de outros criativos que tiveram essa zona de exploração que talvez a gente não tivesse acesso”. Confira a conversa AQUI!

Eneida Souza 

Eneida Souza é enfermeira pediatra e convidada de Philips Avent (Foto: Divulgação)

Convidada de um de nossos apoiadores, Philips Avent, Eneida Souza é mãe de Julia, Beatriz e Daniel. É enfermeira pediatra, educadora e consultora em aleitamento materno, terapeuta de família e casal, e apresentadora do Programa Família On. Durante o podcast do 15º Seminário Internacional Pais&Filhos, a enfermeira fez questão de ressaltar a importância de não se basear na experiência dos outros para moldar as suas expectativas, seja na gestação, na vida materna ou paterna, e até mesmo em família. 

A enfermeira pediatra conversou com Beto sobre a amamentação ser um período único na vida de uma mãe e da importância também da doação de leite: “A gente idealiza a amamentação. Temos o imaginário, desenhamos uma amamentação que não vai ser o real, porque não depende de nós, depende do bebê, depende da anatomia […] Cada um escreve a sua história, o que foi a minha realidade, não vai ser a sua, a gente pode escrever a história de cada um, e é exatamente esse o tema do Seminário”. Veja a conversa AQUI!

Erica Mantelli 

Erica Mantelli é convidada da Maternidade São Luiz Star (Foto: Divulgação)

Erica Mantelli, mãe de Giulia e Isabella, é médica, graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro, com especialização em Sexualidade Humana pela Universidade de São Paulo (USP). É Diretora da Clínica Mantelli, Co-founder Grupo Medgest e participou do bate-papo “Cuidados Maternos” no Seminário.

A doutora da Maternidade São Luiz Star participou do podcast do 15º Seminário Internacional Pais&Filhos – Um outro “felizes para sempre” e disse a real: os cuidados com a mãe não são exclusivos para serem feitos apenas na gravidez! Seja no puerpério ou anos após o parto, a mãe merece a mesma atenção especial, principalmente vinda dela mesma e do seu autocuidado. A médica comentou sobre autocuidado materno e a importância de ter uma rede de apoio: “Eu tenho uma frase na porta do meu consultório ‘Mulher que se ama, se cuida’. É muito comum uma mulher querer se cuidar durante a gestação, elas levam todo esse cuidado para elas e para o bebêzinho, e esquecem delas um pouquinho […] Para gente estar bem para cuidar do outro, a gente tem que tá bem com a gente em primeiro lugar”. Confira a conversa AQUI!

Dra. Elaine de Pádua + Fefa Alfano 

Beto Bigatti, Fefa Alfano e Dra. Elaine de Pádua falaram juntos sobre a necessidade do bem-estar das mães (Foto: Divulgação)

Dra. Elaine de Pádua, mãe de Isabella e Rafaella, é colunista da Pais&Filhos, nutricionista pós-graduada em doenças crônico-degenerativas, especialista em adolescência, mestre pela UNIFESP e autora do livro “O que tem no prato do seu filho? – Um guia prático de nutrição para os pais”. Na conversa no Podcast, Elaine ressaltou a importância do bem-estar da mãe e dos filhos, afinal, como sempre dizemos aqui na Pais&Filhos, só criam filhos felizes pais felizes. Dra. Elaine de Pádua e Fefa Alfano destacaram no podcast que, ao se cuidarem e pararem de se cobrar tanto, a maternidade se tornou muito mais leve. Fefa, mãe de Rafael e Felipe, é embaixadora da Pais&Filhos, influenciadora e criadora de conteúdo para o portal Promovida a mãe.

Na conversa elas falaram sobre experiências pessoais delas com maternidade, paternidade, autocuidado e redes sociais, e Fefa ressaltou que a maternidade vai além de ser mãe: “Eu demorei para entender isso desde que eu pari, que eu não era só mãe do Rafael […] Eu sempre fui uma mulher antes de ser mãe dele. No começo, eu me sentia menos mãe, menos mulher, por deixar meu filho e ir fazer a unha, ir fazer uma caminhada. Eu não me permitia, eu me via deprimida e na obrigação de não deixar ele […] A maternidade estava ficando muito pesada, e não era isso que eu sonhava”. Veja a conversa AQUI!

Vanessa Abdo + Dra. Ivanice Cardoso + Betho Fers 

Vanessa Abdo, Betho Fers e Ivanice Cardoso falaram sobre a infância e necessidade do sentimento de pertencimento na infância (Foto: Divulgação)

Vanessa Abdo, mãe de Laura e Rafael, é doutora em psicologia e CEO do Mamis na Madrugada. Dra. Ivanice Cardoso, mãe de Helena e Beatriz, advogada e pós-graduada em Direito Desportivo, Especializada em Direito de Imagem, é também consultora de escolas e famílias em temas como uso ético e seguro de mídias sociais, bullying e gestão de segurança. Betho Fers, pai de Teté, é doula de adoção e graduando em Psicologia. Estuda a parentalidade adotiva há mais de 15 anos, desde que ele e o marido – Erick – falaram a primeira vez sobre adotar uma criança.

Durante o bate-papo eles conversaram com Beto sobre questões envolvendo a maternidade e compartilharam experiências que tiveram com os filhos e ressaltaram algo importantíssimo: por que fazer uma competição de quem “cria melhor” os filhos? Cada criança e cada família tem a própria história, e respeitar isso é fundamental. “Muitas vezes eu sou elogiado com frases: “Você faz melhor que muitas mães, e eu na verdade luto para fazer melhor que muitos pais.”, disse Betho. Ivanice ainda completa: “Para ser melhor que uma mãe, você precisa ser o melhor de você mesmo”. Confira a conversa AQUI!

Pri Montes + Erica Farias 

Erica Farias e Pri Montes falaram juntas sobre a quebra de expectativas na maternidade (Foto: Divulgação)

Priscilla Montes, mãe de Gael, é educadora parental certificada, e trabalha para apoiar as famílias a construírem relações mais respeitosas com as crianças, trazendo todo universo da educação respeitosa com suas mais variadas vertentes e embasamentos científicos. Erica Farias, mãe atípica de Mariana, é escritora, modelo e formada em Publicidade e Propaganda. Já superou uma síndrome rara, um câncer de tireoide e o nascimento prematuro da filha. Hoje, influencia pessoas a viver a vida da melhor forma, dentro de cada possibilidade, e fez parte da mesa-redonda do seminário.

Durante o podcast do 15º Seminário Internacional Pais&Filhos, Erica e Priscilla falaram sobre a cobrança excessiva que tiveram com elas mesmas quando se tornaram mães. A comparação, frustração, cansaço. Tudo isso entrou na conversa dos três e Erica fez questão de ressaltar: “A mulher é treinada para ser dona de casa e a ser a melhor mãe na sociedade patriarcal. Mas eu também sou um ser humano, eu erro, eu falho, só que a gente respira fundo e segue em frente”. Priscilla falou sobre ser uma rede de apoio as mães: “Porque a gente julga as mães, e a gente julga também a mãe que não quer ter filho, a gente precisa entender que juntos, nós somos mais fortes […] A maternidade não precisa ser solitária se a gente tiver uma rede de apoio”. Confira a conversa AQUI!

Dr. Igor Padovesi 

Dr. Igor Padovesi bate-papo seminário (Foto:Divulgação)

Dr. Igor Padovesi, pai de Beatriz, Guilherme e Cecília, é colunista da Pais&Filhos, ginecologista e obstetra formado e pós-graduado pela USP. Participou do bate-papo “Gravidez (des)romantizada” no Seminário.

Na conversa, o Dr. Igor comentou sobre a importância do pré-natal, riscos e complicações da gravidez. Além de ressaltar que a gravidez não é um processo que deve ser passado apenas pela mãe, mas um é papel de toda a família se preparar para a chegada desse novo membro: “É estar junto, participar do processo, mesmo que na gravidez ele não esteja fisicamente ali […] Entender o que a mulher está passando, é um misto de estar feliz e não estar confortável, tem questões que não vão ser agradáveis. Fica aquele modelo antigo que a gravidez é da mulher e que o homem é somente o provedor e sai para trabalhar, isso gera uma desconexão no casal”. Veja a conversa AQUI!

Renato Noguera

Renato Noguera e Beto Bigatti falaram sobre frustrações na parentalidade (Foto: Divulgação)

Renato Noguera, pai de Olivia e Maria, tem formação familiar griot, doutorado em filosofia, escritor e consultor. Vem fazendo pesquisas articulando filosofia, neurociência e psicanálise. É professor da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, pesquisador do Laboratório de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas e coordenador do Grupo de Pesquisa Afroperspectivas, Saberes e Infâncias (Afrosin). Comandou a palestra “Um mundo (não tão) ideal” no Seminário.

No podcast com Beto, Noguera falou sobre questões envolvendo a paternidade ativa: “Ser um homem que pode paternar a parentalidade tem relação com reconhecimento da vulnerabilidade. Lidar com isso, com a dificuldade que for, mas ser capaz de assumir que isso é real. Fingir que a vulnerabilidade não existe, é se fazer de forte o tempo inteiro”. Confira a conversa AQUI!

Marcela McGowan

Marcela Mc Gowan marcou presença no podcast após a palestra sobre sexualidade (Foto: Divulgação)

Marcela McGowan, filha de Josiane e Martin John, é médica Ginecologista e Obstetra, especialista em Sexualidade, comunicadora, apresentadora, influenciadora, e empreendedora. Comandou a palestra “Sexo também faz parte da história” no Seminário.

Além da vida de uma mãe e de um pai com seus filhos, o sexo também faz parte da história, e a Marcela veio dar uma aula sobre o por que é importante valorizar a vida sexual dos pais, para criarem filhos que entendam sobre sua sexualidade e seus corpos: “As meninas crescem hoje, sem educação sexual, aí se espera que adultas, elas se tornem pessoas interessadas em sexo, sem nem saber o que é […] Os homens crescem educados na pornografia, e assim, eles precisam se entrosar em algum momento, né? O primeiro passo que a gente precisa socialmente assumir é que a gente não sabe sobre sexo […] a gente nunca sabe sobre o corpo de outra pessoa”. Veja a conversa AQUI!

Mariana Arasaki + Carlos Arasaki

Mariana Arasaki e Carlos Arasaki contaram toda a experiência que adquiriram após 10 filhos (Foto: Divulgação)

Mariana Arasaki e Carlos Arasakiviralizaram na internet após compartilharem nas redes sociais a rotina como pais de 10 filhos. Recentemente, o casal paulistano anunciou a chegada de novos filhos, porque Mariana está esperando gêmeas. Ela participou do bate-papo “Um capítulo de cada vez” no Seminário.

Os pais falaram sobre a experiência com os filhos e se há possibilidades deles aumentarem a família. Se 2 já é bom e 3 é demais, imagina ser pai de 10, ou melhor, 12! O Carlos e a Mariana vieram compartilhar no 15º Seminário Internacional da Pais&Filhos suas experiências em criar e educar 10 crianças, por enquanto. No Podcast, eles contaram um pouco dos desafios que enfrentaram se adaptando aos poucos, e como eles conseguiram aproveitar a infância de cada um de seus filhos, que são únicos e individuais, assim como cada gestação: “Meu mindset não estava: ‘agora eu tenho uma família’. Eu fui me adaptando aos poucos”, disse Carlos. Já Mariana, “Não existe uma escola para ser pai, você aprende a ser pai quando seu filho nasce. Nasce uma criança, nasce o pai e a mãe junto. Está todo mundo ali no mesmo bolo, mas não é uma receita”. Confira a conversa AQUI!

Dra. Patricia + Dra. Guta 

Dra. Maria Augusta Bento Cicarone e Dra. Patrícia Orioli, convidadas da Maternidade São Luiz Star, falaram sobre a importância de escolher um bom médico desde o início da gravidez (Foto: Divulgação)

Dra. Patricia Albertini Orioli, é Pediatra formada pela Faculdade de Medicina da Santa Casa de São Paulo, especialista em Neonatologia pela Faculdade de Medicina da USP, atua como médica assistente na UTI neonatal do Hospital das Clínicas e como neonatologista na Maternidade São Luiz Star e é mãe de Isabella. Dra. Maria Augusta Bento Cicaroni Gibelli, é diretora Médica da Maternidade São Luiz Star, Neonatologista com Especialização em Cuidados Paliativos pelo Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio Libanês e mãe de Maria Carolina e Maria Clara.

As convidadas da Maternidade São Luiz Star, deixaram claro para mães e pais a necessidade de escolher bem o profissional que acompanhará a gravidez do início ao fim: “Idealmente, quando a mulher pensa em engravidar, quando ela está pensando em ter um bebê, eu acho interessante já pensar na escolha do seu médico. Alguns cuidados são necessários: ela precisa saber se precisa de algum cuidado extra, escolher um pré-natal com o seu obstetra, ficar atenta e conversar com ele justamente sobre o seu plano de parto e as suas expectativas.”, declarou Dra. Guta. Veja a conversa AQUI!

Cândida Oliveira + Carla Pazini

Cândida Oliveira é mãe de Carla e compartilhou a história de superação da vida dela (Foto: Divulgação)

Cândida Oliveira, sofreu um acidente de carro aos 48 anos, ficando tetraplégica. Hoje em dia luta para que outras pessoas como ela tenham mais acessibilidade e autonomia – intelectual, financeira, psicológica. Mãe da Samantha, Carla e Natália. Estará na mesa-redonda do Seminário. 

Carla Pazini, filha de Cândida é comunicadora com mais de 15 anos na área, Diretora de Planejamento na Joy Eventos e Promoções. Sua vontade de estar sempre em contato com o outro também proporcionou experiências paralelas para além da comunicação, como sua formação e atuação há dois anos como psicóloga clínica. Seu compromisso mais importante, porém, é como mãe do Saulo, de 3 anos.

As mães comentaram com Beto sobre experiências e desafios que elas enfrentaram ao longo da vida e falaram como é a relação dos netos Dora e Saulo com a avó “motorista de aplicativo”, como dizem as próprias crianças: “É uma coisa indescritível, muito intensa, muito nova, muito renovadora. Eu sou a ‘avózona’, saindo daqui eu vou buscar a Dora, minha neta. A gente se ama, a gente se curte”,  disse Cândida. Sua filha Carla, completa: “É muito bonito ver as crianças crescendo com esse olhar do ‘somos diferentes’, olhar do cuidado”. Veja a conversa AQUI!

Programação 15° Seminário Internacional Pais&Filhos 

  • 8h30 | Welcome coffee
  • 9h | Abertura
  • 9h30 | Palestra – Onde fica o pai nessa história? – Marcos Piangers
  • 10h30 | Palestra – Era uma vez… Uma mulher – Alexandra Loras
  • 11h40 | Bate-papo – Cuidados Maternos – Erica Mantelli
  • 12h20 | Almoço
  • 13h20 | Palestra – Sexo também faz parte da história – Marcela Mc Gowan
  • 14h30 | Bate-papo – Gravidez (des)romantizada – Dr. Igor Padovesi
  • 15h | Palestra – Um mundo (não tão) ideal – Renato Noguera
  • 16h | Coffee break
  • 16h20 | Bate-papo – Um capítulo de cada vez – Mariana Arasaki
  • 16h50 | Mesa-redonda – Um outro “felizes para sempre”
  • 19h | Encerramento

Um outro “felizes para sempre”: conheça o tema do 15° Seminário Internacional Pais&Filhos

Quando aqueles dois riscos no teste de gravidez aparecem, um novo mundo é idealizado. É comum pensar no futuro e planejar cada passo que será tomado antes e depois da chegada daquele novo membro na família, e que por esse planejamento, tudo acontecerá da forma mais tranquila possível. A amamentação será fácil, os pais não precisarão de rede apoio antes de começar a trabalhar, as oito horas de sono por noite ainda estarão na rotina… Mas a gente precisa te contar uma coisa: ter filho significa mudar todas as expectativas!

No momento em que aquele bebê chega, nasce uma mãe, nasce um pai, nasce uma rede de apoio. Tudo mudou, e você não será mais a mesma pessoa de antes. Junto da grande alegria de ter o filho nos braços, também vem o cansaço, a culpa, a sobrecarga… E todo aquele mundo perfeito vai por água abaixo. Melhor do que buscar uma realidade igual dos contos de fada, é buscar a sua própria felicidade na realidade em que você vive. Afinal, todos estão vivendo essa experiência pela primeira vez (mesmo que já seja o segundo, terceiro, quarto filho, porque nenhuma criança é igual a outra) e bebês não vem acompanhados de um manual de instruções até a vida adulta.

Entender a própria realidade é o primeiro passo para buscar o seu “felizes para sempre” (Foto: Freepik)

Saber criar a sua própria história é o essencial. Esqueça aquela perfeição dos contos de fadas! O tema do 15° Seminário Internacional Pais&Filhos é Um outro “felizes para sempre”. É buscar a sua felicidade nesse novo mundo, o mundo da parentalidade! Ser mãe e pai é uma escolha que vem acompanhada de diversas opções de “viveram felizes para sempre”. Lembre-se: só criam filhos felizes pais e mães felizes.


Leia também

Isis Valverde - (Foto: Reprodução/Instagram)

Gravidez

Isis Valverde posta foto grávida ao lado de amiga e faz declaração: "Alegria transborda"

(Foto: reprodução/Instagram)

Família

Lore Improta mostra evolução da barriga e avisa: "Tem mais neném chegando"

Menina morre em tubulação de piscina - (Foto: Reprodução)

Família

Menina de 8 anos é encontrada morta em tubulação de piscina em hotel luxuoso

Registro feito por Ana Paula Siebert ao lado de Roberto Justus - Reprodução/Instagram

Família

Roberto Justus fala sobre desgaste no relacionamento com Ana Paula Siebert: “Ela odeia”

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Davi fala sobre ensinar filho a ser macho no BBB 24 - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Davi gera polêmica ao falar sobre filhos: "Tomara que não venha mulher"

Viih Tube comenta que não fará festão para segundo filho - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Viih Tube fala sobre trauma após confusão na festa de filha: "Seu irmão vai ser só um bolinho"

Fernanda Paes Leme fala sobre hormônios após expor crise na amizade com Bruno Gagliasso - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Fernanda Paes Leme comenta sobre fim da gravidez em meio a afastamento de Bruno Gagliasso