Criança

Palmadas como correção podem deixar a criança mais agressiva, defende estudo

Bater, xingar ou gritar com as crianças, faz com que os hormônios do estresse aumentem - Getty Images
Getty Images

Publicado em 07/11/2018, às 13h45 por Redação Pais&Filhos


Bater, xingar ou gritar com as crianças, faz com que o hormônio de estresse aumente. (Foto: Getty Images)
Bater, xingar ou gritar com as crianças, faz com que os hormônios do estresse aumentem (Foto: Getty Images)

“Violência não leva a nada!” Frase que sempre ouvimos falar, mas agora foi comprovada em um estudo da Academia Americana de Pediatria (AAP), que quando aplicada a crianças como medida educativa pode trazer efeitos negativos no futuro.

De acordo com os estudiosos, o uso de palmadas ou de qualquer outra forma de violência física, mais de duas vezes por mês até os 3 anos, torna crianças mais agressivas aos 5 anos. Em uma projeção maior, foi constatado que aos 9 anos esta mesma criança apresentaria mais comportamentos negativos.

Em outra pesquisa, a Academia afirmou que ao bater, xingar ou até mesmo gritar com a criança, os hormônios do estresse se elevam e podem alterar a forma do cérebro.

Seus filhos podem ficar com uma sensação de abandono nessa fase (Foto: iStock)
O estudo é da Academia Americana de Pediatria (Foto: iStock)

Em busca de colaborar para que os pais pudessem proporcionar uma criação adequada a seus filhos, o AAP elaborou uma nova política, chamada de “Effective Discipline to Raise Healthy Children” (Disciplina Eficaz para Criação de Crianças Saudáveis), que será disponibilizada em seu site em dezembro.

Com uma visão positivista, Robert D. Sege, um dos autores da nova política, revela que cada vez menos pais estão utilizando as palmadas como medida educativa, se comparado com o passado.

Leia também:

Criança ativa se torna um adulto saudável 

Gritar com crianças é tão ruim quanto bater nelas 

Estudo afirma que países onde os pais são proibidos de bater nos filhos têm menor índice de violência 


Leia também

O menino de apenas dois anos aprendeu três idiomas - (Foto: Arquivo pessoal)

Família

Menino baiano que leu e escreveu com apenas 1 ano aprende inglês, russo e coreano aos 2 anos

(Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Neymar Jr mostra o rosto de filha com Amanda Kimberlly pela primeira vez

Virginia e Zé Felipe - Reprodução: Instagram

Família

Sete suítes, piscina, cinema, adega e 7 mil m²: Veja fotos da nova mansão de Virginia e Zé Felipe

Foto: Reprodução/Instagram

Família

Paula Fernandes revela estar com doença: "Tenho apenas alguns dias de vida"

Reprodução: Instagram

Família

Amanda Kimberlly se declara em primeira foto da filha no feed do Instagram

Neymar comenta foto de Bruna Biancardi e Mavie em campo - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Neymar posta foto de Bruna Biancardi e Mavie em campo de futebol: “Meus amores”

Sorocaba, Biah Rodrigues e filhos - Reprodução: Instagram

Família

Sorocaba faz desabafo emocionante sobre os filhos: 'Mudou minha vida’

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer