Coluna

Maternidade e as causas que abraçamos

A maternidade é transformadora - (Foto: Getty Images)
(Foto: Getty Images)

Publicado em 15/03/2024, às 14h48 por Com a Palavra


**Texto por Rafaela Bertoloto, mãe, que está a frente da loja Green Piracicaba e em 2023 lançou a marca “Abrace suas versões”, através do ABRAÇA PODCAST e do DESENVOLVE, projetos e negócios voltados à educação infantil e auto educação, sempre como o lema:  “para estarmos bem, precisamos nos cuidar que ficaremos ainda melhores a todos que vivem ao nosso redor”.

Mão fazendo coração
Se reinvente: ser mãe te faz esse convite - (Foto: Getty Images)

Falar que maternidade transforma é piegas né?! Mas eu se eu disser que ela transforma tanto a ponto de levar as mães, como eu, para o fundo do poço e de lá mostrar que tudo pode ser diferente? "Rafaela, do que você está falando?!". Estou falando que a maternidade tem grande importância na vida de uma mulher a ponto de virá-la no avesso. Ela tem o poder de fazer esta mulher olhar de verdade para seu íntimo e se perguntar: O QUE EU QUERO? COMO EU QUERO?

É assim com a educação dos filhos, com a carreira que essa mãe vai assumir após a maternidade, com absolutamente tudo! Tudo vira questionável após a maternidade, até nossa alimentação e escolhas, percebeu? Vou compartilhar minha vivência na maternidade, um episódio de ANTES e DEPOIS para tudo ficar ainda mais claro!

Meu primeiro filho nasceu em 2017. MIGUEL. Quando ele tinha 9 meses, a minha casa era um verdadeiro caos, não sei se só a minha era, me conta depois se na de vocês também! O Miguel era comilão, de repente passou a selecionar o que comer e isso tirou a minha paz de mim e do meu marido, claro que nunca é uma coisa só! Eram gritos, eram gestos grosseiros, eram berros com aquela criancinha de apenas 9 meses. Claro que era também a sobrecarga materna, o cansaço, a privação de sono e muitas outras questões. Mas, naquele momento, eu vivia um pesadelo em minha casa por conta dos desafios com o Miguel. Foi quando comecei a pesquisar: educação de filhos, birras, temperamentos. Afinal, eu me negava a acreditar que maternidade era aquilo! Como poderia ser tão desafiador?! Como poderia ser tão desesperador? Ninguém contou! (risos, afinal ninguém conta mesmo os desafios reais).

Num belo dia, me negando a acreditar em todo aquele pesadelo que minha vida estava, comecei a pesquisar na internet o que fazer e caí em um vídeo da psicopedagoga Isa Minatel! Desde este dia, até hoje, mergulhei neste mundo de EDUCAR SERES HUMANOS! E entendi tudo o que estava acontecendo em minha casa! Só para fechar a história: aquele desafio com meu filho era apenas um dos grandes desafios que viria a ter! Eu precisava mesmo do fundo do poço para entender que precisamos estudar para ser pais e mães, que educar da forma como fomos educados não funciona mais!

A Disciplina Positiva me ajudou muito nesta caminhada. Uma das melhores ferramentas da Disciplina Positiva que aprendi naquele momento e me ajudou com meu filho, foi a ferramenta das escolhas limitadas, que explicando de forma bem simples, é dar escolhas limitadas para seu filho. Exemplo: meu filho não quer tomar banho, o que fazer? Filho, como você vai até o banheiro? Pulando de um pé só ou pulando igual sapinho?! Você consegue entender o resultado disso? Você deu escolhas pro seu filho, ele vai escolher. Ele sentirá que tem autonomia. Mas, como o resultado final que você precisa é o banho, ele irá chegar lá, independente de como... Faz sentido?

Além de estudar a Disciplina Positiva, mergulhei nos cursos da Isa Minatel, entender sobre Temperamentos fez muito sentido! E hoje, Isa Minatel fala muito sobre Disciplina do Equilíbrio. E foi assim, que dia após dia, minha vida foi se transformando. Minha ocupação antes da maternidade era RH. Eu amava o que eu fazia. Após a maternidade, em seguida do tempo da Licença e da estabilidade, fui desligada. Mais uma vez no fundo do poço me perguntei: o que fazer? E deste lugar, sem saber, ocupei todo meu tempo com meu filho e com os estudos sobre educação infantil.

Anos foram passando, empreendi no ramo infantil, hoje tenho uma franquia da Loja Green by Missako em Piracicaba (@green.piracicaba) e, ouvindo diariamente as questões das mães e sentindo na pele as dores, empreendi com minha marca, uma marca que ABRAÇA TODAS AS NOSSAS VERSÕES! E desse abraçar, nasceram tantos projetos! Como um PODCAST, o ABRAÇA PODCAST, (@abraca_podcast) que fala de tudo sobre MATERNIDADE, EMPREENDEDORISMO e AUTOCUIDADO e nasceu também o DESENVOLVE, um evento que acontece pelo terceiro ano consecutivo em Piracicaba para pais, educadores e interessados no universo do educar. Este ano, será num sábado, 18 de maio e terá a palestrante Isa Minatel com o tema “Desenvolvendo a inteligência emocional das crianças: superando os desafios da infância” e palestra da publicitária e mãe Aline Patini com o tema “Eu sou mãe, também”, que falará sobre um dos momentos mais difíceis do ser mãe, o retorno ao trabalho, ou não, e o reposicionamento de carreira.

Conseguem entender como a maternidade impactou minha vida?! De uma dor, nasceu uma nova Rafaela, assim como deve ter acontecido com muitas e muitas mulheres! Caso queira saber mais sobre as causas que abraço, me visite no @rafabertoloto. E caso queira se inscrever no DESENVOLVE, um evento que vai te DESENVOLVER muito, temos mais informações também no meu instagram ou no sympla. Fez sentido para você esta história? Compartilhe comigo, vou amar saber!


Palavras-chave
Maternidadecoluna

Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Wagner Moura com a esposa Sandra Delgado e o primogênito Bem - Reprodução/Caras

Família

Foto raríssima: Wagner Moura pousa com filho e esposa depois de ser premiado

Gêmeas siamesas falam sobre relacionamento - (Foto: reprodução/TikTok)

Família

Gêmeas siamesas falam sobre relações íntimas após uma assumir namoro

Isis Valverde - (Foto: Reprodução/Instagram)

Gravidez

Isis Valverde posta foto grávida ao lado de amiga e faz declaração: "Alegria transborda"

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

A bartolinite é uma infecção que ocorre nos cistos de Bartholin, causando uma inflamação na região da vagina - Freepik

Família

Bartolinite: o que é a bola inchada na vagina e como tratar a infecção