Bebês

Entenda por que a amamentação exclusiva é tão importante

A Semana Mundial da Amamentação acontece do dia 1 a 7 de agosto - iStock
iStock

Publicado em 07/08/2019, às 10h59 - Atualizado em 30/01/2020, às 19h22 por Redação Pais&Filhos


A Semana Mundial da Amamentação acontece do dia 1 a 7 de agosto (Foto: iStock)

Na Semana Mundial do Aleitamento Materno que acontece do dia 1 a 7 de agosto, o obstetra e especialista em reprodução humana Rodrigo da Rosa Filho, pai da Giovanna, nosso colunista do site, fala sobre os benefícios da amamentação. “O aleitamento materno é recomendado de forma exclusiva – sem oferecer outro alimento ao bebê, até os seis meses de idade. Ele previne a anemia, alergias, obesidade e a intolerância ao glúten. Além disso, aumenta o vínculo entre mãe e filho e colabora para que a criança se relacione melhor com outras pessoas”.

De acordo com o especialista, “imediatamente após o parto, já existe o colostro. A partir de então, a criança deve ser amamentada na hora e quando quiser. Nos primeiros meses, é normal que o bebê mame com frequência e sem horários regulares. Em geral, um bebê em aleitamento materno exclusivo, mama de oito a 12 vezes ao dia. Com o tempo, a tendência é que a criança estabeleça os horários das mamadas”, explica o médico, que alerta, “as mamadas na fase de recém-nascido não devem ultrapassar seis horas, após esse período o bebê deve ser acordado pela mãe.”

Dá para aumentar a produção de leite, o doutor aconselha que você mantenha sempre uma alimentação saudável e faça refeições equilibradas. É bom também evitar alimentos industrializados e embutidos, refrigerantes e bebida alcoólica durante toda a gestação nem pensar! E procure evitar consumir esses produtos durante a amamentação também. Água é sempre bem-vinda, procure ingerir três litros por dia. Chá ou suco natural também podem fazer parte do cardápio.

O especialista também indica algumas ações práticas. São elas:

·  Aumentar a frequência das mamadas. Quanto mais vezes o bebê mamar mais leite será produzido.

·  Evitar o uso de chupetas e mamadeiras: Enquanto a amamentação ainda não estiver bem estabelecida, deve-se evitar o uso de bicos artificiais, pois os movimentos da sucção são diferentes da amamentação, o que pode causar confusão ao bebê, levando-o a não conseguir pegar na mama da forma correta.

·  Assegurar que tanto o bebê como a mãe se encontram numa posição correta e confortável. O bebê deve estar com a cabeça em linha reta com o corpo e a barriga virada para a da mãe. O queixo do bebê deve estar encostado à mama e o lábio inferior virado para fora – ele deve abocanhar o mamilo e grande parte da aréola.

Leia também:

Como engravidar após aborto de repetição

Análise de hormônio AMH revela que fatores ambientais podem diminuir as chances de gravidez

Infertilidade masculina: entenda o que é a fragmentação do DNA espermático


Palavras-chave
Amamentação

Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Pai de Davi - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Pai de Davi não concorda com posição do filho e decide ir morar com Mani

Imagem Pai de Henry Borel comemora nascimento de filha três anos após tragédia

Família

Pai de Henry Borel comemora nascimento de filha três anos após tragédia

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

Copo Stanley - Divulgação

Super desconto

App Day Amazon: os famosos copos térmicos da Stanley com até 55% de desconto

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Isabella Fiorentino explica o motivo de não mostrar o rosto do filhos - Reprodução/ Instagram

Família

Isabella Fiorentino explica o motivo de não mostrar o rosto dos filhos em fotos nas redes sociais

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer