Recém-Nascido

Isabella Scherer conta que não dá banho nos gêmeos todos os dias: “A gente tem preguiça”

Isa Scherer não dá banho nos filhos todos os dias - Reprodução/ Instagram @isascherer
Reprodução/ Instagram @isascherer

Publicado em 31/10/2022, às 10h32 - Atualizado em 01/11/2022, às 09h56 por Redação Pais&Filhos


A atriz e ganhadora do Masterchef, Isabella Scherer, pelos stories do Instagram contou que não dá banhos diários nos gêmeos, Mel e Bento, frutos do relacionamento da atriz com o modelo Rodrigo Calazans.

Ao ser questionada nos stories, em uma caixinha de perguntas um internauta questionou: “Por que não dá banho neles todo dia? Algo específico?”, a artista então deu uma resposta simples e clara: “Não, a nossa pediatra liberou e a gente tem preguiça”, disse a  mãe de Mel e Bento.

Isso foi o suficiente para internautas questionares e criticarem a escolha da atriz: “Bebês quando você dá banho dormem tranquilo e descansados, imagina essas crianças o que não passam! Ainda mais em país tropical como o nosso”, escreveu uma usuária da rede social, “Você gosta de ficar sem banho? Essa pediatra também deve não gostar de banho”, questionou outro internauta.

Isa Scherer não dá banho nos filhos todos os dias
Isa Scherer não dá banho nos filhos todos os dias (Foto: Reprodução/ Instagram @isascherer)

Isabella Scherer bebe taça de vinho e fica com “peso na consciência” por ainda estar amamentando

Isabella Scherer contou para os seguidores em seu Instagram sobre a experiência de ter tomado uma pequena taça de vinho ainda sendo lactante. Contou como se sentiu com o fato de após ingerir o álcool ter que voltar para casa e amamentar os gêmeos Mel e Bento, que nasceram recentemente, do dia 29 de agosto. Em vídeo, a chef de cozinha contou que saiu para jantar e celebrar o aniversário do pai, Fernando Scherer, e que chegou a beber, mas que ficou com a consciência pesada.

Isabella Scherer é mãe dos gêmeos Mel e Bento (Foto: Reprodução / Instagram)

“Ontem foi aniversário do meu pai e tomei uma taça de vinho pequena, e com peso na consciência. Cheguei em casa para amamentar, mas antes fui testar o leite”, começou ela, contando como fez o experimento para saber se havia álcool em seu sangue. Em seguida, ela explica como o teste funciona: “Você pinga uma gota nisso e se mudar de cor é porque tem álcool no leite. Mas acho que não vou conseguir beber amamentando, nem com isso daqui. Dá peso na consciência”, disse ela.

Mitos da amamentação

Assim como Isabella Scherer, muitas mães de primeira viagem tem dúvidas durante o período de lactação. Por isso, saiba os mitos e verdades sobre a amamentação!

dicas para amamentação
Nem tudo o que dizem por aí é verdadeiro, fique de olho! (Foto: Reprodução/ Getty Images)

Mito: você precisa preparar o seu seio

Durante a gravidez seus seios vão sofrer mudanças naturais que vão prepará-los para a amamentação, diz Christina Smillie, prediatra e especialista em lactação. Mesmo depois do nascimento do seu filho ,a área ao redor do seu mamilo vai engrossar e as glândulas da aréolas vão produzir um óleo que tem o objetivo de lubrificar e proteger. Com a chegada do seu filho você vai começar amamentar e o hormônio da oxitocina vai fazer o seus mamilos ficarem mais maleáveis e flexíveis para a boca do seu bebê.  Se você tiver bicos planos ou invertidos, um consultor de lactação pode te ensinar técnicas que vão te ajudar na hora de amamentar.

Mito: amamentar dói

Embora seja comum sentir desconforto na primeira vez que você amamenta, a dor é um sinal de que o bebê não está pegando no seu peito da forma certa. Em vez de focar só no seu seio, a boca do bebê deve estar aberta e puxando o seu mamilo. Com o seio dentro da boca, o bebê deve usar a própria língua e mandíbula para tirar o leite. Tente mudar as posições até que o seu bebê se sinta seguro. Em pouco tempo e com paciência vocês vão acertar.

Mito: amamentar vai fazer o seu seio cair

Na realidade os peitos caídos são conseqüências da gravidez, por causa das mudanças hormonais. Você também ganha peso e os seus seios ficam maiores e mais pesados, eles podem começar a cair.  No começo da amamentação os seus peitos talvez fiquem inchados por causa do leite. Ainda assim eles vão diminuir quando você estabelecer uma rotina na amamentação. Antes de você desmamar o seu filho, seus seios estarão mais suaves e você pode esperar que eles vão voltar ao tamanho de antes da gravidez, a não ser que você tenha ganhado ou perdido muito peso.

Mito: comida que você ingere pode causar gases no bebê

O leite materno recebe nutrientes da corrente sanguínea, que significa que você (e não o seu bebe) digere fibras e carboidratos que podem causar gases. A não ser que você tenha um histórico de alergia alimentar na família, siga em frente e continue comendo alimentos como salada de brócolis, comidas picantes ou feijão. Uma pequena porcentagem de bebês desenvolve eczema, porque são sensíveis a alergias. Se o seu bebê apresenta brotoejas, elimine os laticínios – que normalmente são os culpados – da sua alimentação por algumas semanas e observe se os sintomas melhoram. Consulte o seu pediatra se as brotoejas ficarem mais sérias, observe se tem sangue nas fezes ou se o seu filho está agitado.

Mito: você tem que jogar o leite fora depois que ingerir bebida alcoólica

Em vez de jogar fora o seu leite materno, controle de forma inteligente a sua taça de vinho ou cerveja. Depois que você bebe, o seu leite fica com a mesma taxa de álcool que a sua corrente sanguínea. Antes de amamentar novamente, espere pelo menos duas horas e meia para ter certeza que o seu leite está livre do álcool. Considere bombear leite no caso do seu bebê estar faminto enquanto o álcool ainda está no seu leite.

Mito: você não pode ficar grávida enquanto amamenta

Se você está tendo relações sexuais, você pode engravidar, mesmo que você esteja amamentando. De qualquer forma, você tem menos chance de conceber se estiver nos primeiros seis meses de amamentação. A sua menstruação ainda não terá voltado e o seu bebê deve mamar cerca de duas ou três horas por noite. A menos que você esteja pronta para outra criança, converse com seu médico sobre as melhores opções para o seu controle de natalidade.

Mito: você não pode amamentar se estiver doente

Continue amamentando enquanto você tem uma gripe ou resfriado, porque na verdade isso vai proteger o seu bebê das doenças. Os anticorpos são transferidos do seu corpo para o do seu filho toda vez que ele mama. O bebê provavelmente não vai pegar todas as doenças, mas caso isso aconteça vai ser um tipo mais leve que a sua contaminação.

Mito: se você não amamentar não é uma boa mãe

Embora a amamentação traga benefícios para a sua saúde e a do bebê, se você decidir não amamentar – ou não for capaz de amamentar por qualquer razão – isso não faz de você uma péssima mãe. Alimente o seu bebê com a fórmula que você achar boa e siga em frente. Com os seus cuidados e amor, o seu filho não vai se preocupa de tomar leite materno, fórmula ou a combinação dos dois.

Inscreva-se no 14º Seminário Internacional Pais&Filhos

O 14º Seminário Internacional Pais&Filhos – Toda família é nossa já tem data para acontecer. Depois de cinco edições online, essa volta a ser presencial no dia 17 de novembro, na Unibes Cultural, em São Paulo. Vai rolar palestras, mesa-redonda, sorteios, ativações e muito mais! Para participar, é só se inscrever aqui! Te esperamos por lá.


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Graciele Lacerda fala sobre chegada de filho com Zezé di Camargo - Reprodução/Instagram

Família

Graciele Lacerda fala sobre chegada de filho com Zezé di Camargo

Foto: Reprodução/ Instagram

Bebês

Fernanda Paes Leme recusa visitas após o nascimento da filha: "Não consigo e não quero"

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

Alok faz anúncio em vídeo no Instagram - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Alok compartilha vídeo em família para anunciar: "Agora somos 6"

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Pai de Davi - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Pai de Davi não concorda com posição do filho e decide ir morar com Mani

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer