Pais

Revelação: pais pediatras contam 10 segredos sobre cuidados com os filhos

Conselhos exclusivos de pessoas com experiência e duplo expediente

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

shutterstock_52944196_

 

Pediatras que são pais contaram à revista norte-americana “Parents” quais são os segredos que fazem diferença no cuidado com os filhos no dia a dia. Além de informativas, as respostas são bem curiosas!

Anúncio

FECHAR

1. Eu uso o teste dos três minutos para saber se vai precisar dar pontos

“Enrole o gelo numa folha de papel e aplique no corte por três minutos. A pressão e o gelo vão fazer o sangramento parar se não for preciso dar pontos no corte. Se ainda estiver sangrando depois dos três minutos, vá para a emergência.” – Zeyed Baker, pediatra em Secaucus, New Jersey, pai de dois filhos;

 

2. É tranquilizador dizer para as crianças com alergia de alimentos que elas são tão saudáveis e fortes quanto um super-herói

“Quando meu filho mais velho desenvolveu alergia de castanhas, eu vi o quão importante foi, para ele, ser considerado saudável. Nós podemos ajudar nossas crianças a torná-las mais confiantes para gerenciar suas alergias.” – Michael Pistiner, coundador do site AllergyHome.org e pai de dois filhos;

Pediatras mudam regras da introdução de alimentos

Entenda o que acontece durante a visita ao pediatra

3. Evite chamar a alimentação do seu filho de ‘enjoada’. 

“Chame-as de alimentações de aventura – isso ensina que comer é uma jornada e que eles devem praticar sempre. Levou mais de 11 anos para o meu filho gostar de tomate!” – Nimali Fernando, coautora de “Manual para criar filhos que se alimentam saudável e felizmente” (em tradução livre) e mãe de dois filhos;

4. Lavar as mãos é a melhor coisa que as crianças podem fazer pela saúde delas

“Lavar por 15 segundos (ou o tempo que leva para cantar o alfabeto), esfregando entre os dedos e debaixo das unhas. Eles devem fazer isso depois de ir ao banheiro, depois de entrar em casa e antes de comer.” Tiffany Knipe, pediatra em Nova Iorque e mãe de dois filhos;

shutterstock_232773922_

5. Resolva qualquer problema usando uma única estratégia por duas semanas

“Muitos pais desistem depois de algumas noites sem sucesso, que são pouca coisa para trazer alguma mudança. Por outro lado, se a estratégia não funcionar depois de duas semanas, é hora de tentar de um jeito diferente.” – Karen Hentschel-Franks, pediatra e especialista do sono em San Antonio e mãe de três filhos;

6. Seus instintos paternos podem ser mais poderosos que qualquer conselho médico. Nunca duvide deles

“Ninguém nunca entendeu uma criança melhor do que seus pais, e eu já vi isso acontecer várias vezes. Se você sabe que alguma coisa está errada, não hesite em procurar um médico” – Jeremy Fishelberg, pediatra em Rockville Maryland e pai de dois filhos;

7. O perigo real das crianças não é o que você está pensando

“Eu nunca me preocupei quando meu filho comeu alguma coisa que caiu no chão ou escalou brinquedos muito altos. O que realmente me assusta: móveis desmontados, janelas abertas e piscinas. São ameaças de vida e são mais frequentes que você imagina.” – Wendy Hunter, pediatra do centro de emergência em San Diego e mãe de dois filhos;

Pediatra responde as 11 maiores dúvidas sobre amamentação

Nosso pediatra responde

8. Crianças, mesmo antes de ingressar na escola, deveriam conhecer suas partes íntimas

“Isso permite que elas falem confortavelmente para os seus pais e médico. Eu cuidei de meninos que tinham desconforto para afirmar que tinham dor nos testículos ou meninas que não falaram das dores que sentiam para fazer xixi. Além disso, fará com que a conversa sobre sexo seja menos embaraçosa e desconfortável.” – Dr. Hunter;

 

9. Renda-se ao mundo mágico

“Deixe sua criança observar você indo ao banheiro e divida com ele o quanto foi divertido. Quanto mais o seu filho assiste ao seu modelo de vida livre de qualquer pressão naquele momento, mais ele irá se acostumar à ideia.” – Dr. Fishelberg;

10. Se seu filho se esconde para fazer cocô, coloque o penico no mesmo lugar do esconderijo

“Ele pode estar de dando uma sugestão de como e onde prefere fazer.” David Hill, autor de “De pai para pai” (em tradução livre) e pai de cinco filhos.