Pais

Pense duas vezes antes de postar sobre seu filho nas redes sociais

É necessário estabelecer limites do que é ou não apropriado

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

filhosredes

Filhos se preocupam com o que os pais vão postar nas redes sociais sobre eles (Foto: Shutterstock)

A editora assistente da revista norte-americana “Parents” Chrisanne Grise fez um relato interessante sobre como acabamos expondo nossos filhos nas redes sociais. Ela comenta que na França existe uma lei que multa e pode gerar até a prisão de quem compartilhar fotos de outras pessoas. Isso permite que o próprio filho processe o pai quando crescer. Chrisanne  cita pesquisas que mostram que crianças de idades entre 10 a 17 anos estão muito preocupadas com o que seus pais compartilham sobre eles nas redes sociais. Leia o texto abaixo:

“Quando eu era criança, a Internet era algo novo e assustador. Minha mãe se desdobrava para ter certeza de que nenhuma foto minha acabasse escapando para as garras da rede. Eu lembro que toda vez que ela assinava um contrato que mencionasse a permissão para o uso de fotografia, ela costumava escrever “nenhuma foto online”. É claro que quando eu estava na faculdade, eu tinha conta no Facebook com centenas de fotos minhas publicadas lá – mas, pelo menos, eu tinha escolhido e aprovado todas elas, e não havia nenhum constrangimento de infância relacionado a elas.

Hoje, as crianças vão ter uma experiência totalmente diferente. Ao usar as redes sociais, sinto como se eu estivesse sendo bombardeada por várias fotos de crianças. Honestamente, nesse momento, sinto-me um pouco cansada até de ver os mais jovens membros da minha família! E não sou a única – numa pesquisa recente da Parents com mais de 2.000 entrevistados, 79% disseram que compartilham esse tipo de publicação. (Claro que apenas 32% disseram que compartilham fotos de si mesmos.)

Anúncio

FECHAR

10 coisas que você não deveria compartilhar nas redes sociais

Família de quadrigêmeos faz sucesso mostrando sua rotina na internet

Na França, entretanto, os pais encaram consequências mais severas do que simplesmente a irritação de seus pares. A polícia nacional recentemente lançou uma lei alertando os pais a serem cuidadosos sobre compartilhar aquelas fotos adoráveis e fofas de seus filhos. Leis de privacidade francesas proibiram a publicação de fotos de outra pessoa, que não seja o próprio usuário, sem a sua permissão – e essa lei envolve multas com valores acima de 49 mil e/ou um ano de prisão! Especialistas também concluem que, uma vez crescido, o filho também estará apto a processar os seus pais, caso sinta que o seu direito à privacidade foi violado. Caramba!

Pode até parecer extremista, mas a verdade é que muitas crianças não querem que seus pais postem sobre elas na rede social. Pesquisas da Universidade de Washington e da Universidade de Michigan estudaram a relação entre pais e filhos pelo país e descobriram que crianças de idades entre 10 a 17 anos estão muito preocupadas com o que seus pais compartilham sobre eles.

Três vezes mais crianças, em comparação aos adultos, acreditam que deveria existir regras sobre o que os pais podem divulgar na Internet.  O centro da questão é pensar antes de fazer o upload! Termos de privacidade sempre são alterados no Facebook, e é comum que sua foto seja visualizada por um desconhecido.

Reflita: Meu filho se sentirá bem com outras pessoas vendo isso? Tenha uma conversa com a sua família e estabeleça alguns limites do que é apropriado ser compartilhado e o que não é. Um pouco de consideração trará maior segurança e felicidade.”

Rede social causa tristeza e ansiedade, diz estudo

Mãe coruja: Patrícia Poeta posta foto com filho nas redes sociais