Notícias

Senado aprova projeto que torna obrigatória a igualdade salarial entre homens e mulheres

Diferença salarial entre gêneros é pauta do Senado Federal - Freepik
Freepik

Publicado em 02/06/2023, às 14h36 por Sophia Dolores, filha de Lucineia e Nilo Júnior


Nesta quinta-feira, 1° de junho, o Senado aprovou, em votação simbólica (sem contagem de votos), o projeto de lei que prevê igualdade salarial de gêneros.

No dia 8 de março, Dia Internacional das Mulheres, já havia sido lançado pela presidência da república um decreto de medidas para garantir que as empresas paguem o mesmo salário a homens e mulheres pelo desempenho das mesmas funções. Caso as empresas descumpram a lei, será sujeita a aplicação de multas.

É importante entender as necessidades das crianças e adolescentes transgênero
Diferença salarial entre gêneros é pauta do Senado Federal (Foto: Freepik)

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), as mulheres brasileiras recebem 78% do salário de um homem. Existem leis que tratam do tema, mas na prática as mulheres continuam ganhando menos que o homem. Já aprovado pela Câmara, o projeto seguirá para sanção do presidente Lula.

O que diz o projeto?

O texto aprovado por deputados e senadores determina a equiparação salarial entre homens e mulheres que desempenham as mesmas funções.Além disso, a medida também determina que, em situações de discriminação baseada em gênero, raça ou etnia, o empregador será responsável por pagar ao funcionário a diferença salarial devida, além de uma indenização correspondente a 10 vezes o valor do novo salário. Em casos de reincidência, a multa será dobrada.

Adicionalmente, a proposta garante que, mesmo com o pagamento da multa, o trabalhador vítima de discriminação ainda terá o direito a receber uma compensação por danos morais. Os mecanismos que possibilitam a transparência salarial entre os empregados da mesma empresa deve ser a fiscalização efetiva feita pelo Ministério do Trabalho e Emprego, além de aplicação de multas administrativas maiores.

Mãe recusa oferta de emprego do filho
Mulheres ganham cerca de 20% menos do que os homens no Brasil (Foto: iStock)

Inclusive, essas são algumas das medidas previstas no Projeto de Lei n⁰ 1085/23, proposto pelo Presidente Lula, encaminhado recentemente ao Congresso Nacional. Um dos pontos trazidos pelo projeto é a necessidade das empresas que possuem 100 ou mais empregados publicarem relatórios semestrais de transparência salarial e remuneratória.

O que dizem as Leis de Trabalho?

Na teoria, a diferença salarial entre homens e mulheres já é proibida pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Na prática, no entanto, a lei é tratada bem diferente, muitas vezes não cumprindo com essa exigência legal.

'Homeschooling': projeto para legalizar a educação domiciliar pode ser votado ainda hoje na Câmara
O projeto foi aprovado pela Câmara dos Deputados (Foto: Getty Images)

A não efetivação dessa lei em algumas empresas está ligado à ausência de um mecanismo de fiscalização e penalidades administrativas maiores. A penalidade estipulada no art. 461, §6⁰ da CLT, além de ser baixa, só ocorrerá de forma judicial depois da apreciação de um juiz. E a verdade é que a grande maioria das mulheres não propõe uma reclamação trabalhista para ver seu direito de igualdade salarial assegurado. E, quando proposto, possuem dificuldades de comprovar a diferença de salários, pois o empregador detém tais informações.

Veja também: Vacinas salvam vidas – tudo sobre a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe

Vacina é um tema tão essencial que, pela primeira vez, a Pais&Filhos se uniu ao Ministério da Saúde e Crescer nessa causa. Estamos juntos para conscientizar a população sobre a importância da imunização contra a gripe e estimular a vacinação, com foco nos grupos prioritários.


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Graciele Lacerda fala sobre chegada de filho com Zezé di Camargo - Reprodução/Instagram

Família

Graciele Lacerda fala sobre chegada de filho com Zezé di Camargo

Foto: Reprodução/ Instagram

Bebês

Fernanda Paes Leme recusa visitas após o nascimento da filha: "Não consigo e não quero"

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer

Pai de Davi - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Pai de Davi não concorda com posição do filho e decide ir morar com Mani

O corpo começa a dar sinais de que vem bebê aí bem antes da menstruação atrasar - Getty Images

Gravidez

Sintomas de gravidez: nos primeiros dias, que ninguém sabe, de menino e menina e muito mais