Gravidez

Tatuagens, piercings e gravidez: 5 coisas que você precisa saber

Saiba qual a melhor forma de lidar com isso enquanto seu bebê não nasce

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

shutterstock_161245304

(Foto: Shutterstock)

1. Minha tatuagem vai ficar diferente depois da gravidez?

“Em qualquer momento da vida a pele estica”, diz Cameron Rokhsar, professor de dermatologia no Hospital Mount Sinai em Nova York. Tattoos na barriga, seios ou quadris são mais propensas a mudar já que essas são as áreas que mais expandem.

2. Eu deveria tirar meu piercing?

Anúncio

FECHAR

Durante a gestação, brincos e piercings para o nariz podem ficar. Você não precisa necessariamente retirar os piercings dos seus mamilos ou do umbigo. “Algumas mulheres dizem que depois de um tempo de gestação eles começam a incomodar”, conta Iffath A. Hoskins, professor de ginecologia e obstetrícia da Universidade de Nova York Langone Medical Center. Se está doendo, mude o tamanho ou o estilo da sua joia ou remova completamente. Só não se esqueça que na hora do parto é outra história. Esses acessórios não são aconselháveis durante o processo.

3. É seguro fazer uma tatuagem ou piercing durante a gravidez?

É aconselhável esperar até uns meses depois do nascimento do bebê. De qualquer forma, se você fizer nesse período é muito perigoso pegar uma infecção. “Quando você está gestante, existe uma alta chance de ter uma alergia a alguns dos ingredientes da tinta”, afirma Hoskins. Além disso, se você fizer uma tattoo ou colocar um piercing enquanto sua pele está esticando, provavelmente ficará diferente quando ela voltar ao normal.

4. É verdade que eu não posso tomar a epidural se eu tiver uma tatuagem nas costas?

Aplicar a epidural através da pele tatuada pode pegar no corante e trazer complicações. Se o seu anestesista puder dar a anestesia em uma área que não esteja pintada, ele vai. O mais importante é conversar com o seu médico sobre isso.

5. Um piercing no mamilo vai me impedir de amamentar?

“Esse tipo de piercing não interfere na amamentação, mas a sucção do bebê para mamar pode acabar machucando você, então é melhor retirar enquanto estiver amamentando”, aconselha Hoskins.

Leia também:

Mãe cria polêmica ao dizer que filho não precisa emprestar brinquedo

30 brinquedos dos anos 80 para matar a saudade

Pais fazem tatuagem que imita manchas da filha