Gravidez

“Não é o conto de fadas que eu estava esperando”: atriz faz desabafo sobre depressão pós-parto

Julia Fox fala sobre o que anda passando na primeira experiência materna - Reprodução/ Hola!Celebrities
Reprodução/ Hola!Celebrities

Publicado em 06/10/2022, às 07h31 - Atualizado às 07h33 por Redação Pais&Filhos


Julia Fox falou recentemente sobre os problemas que vem enfrentando com a depressão pós-parto. A atriz, que é mãe de primeira viagem, desabafou no TikTok sobre a experiência que está tendo com Valentino, de 1 ano. Ela fala também sobre a “verificação da realidade” das novas mães no pós-parto, descrevendo a frustração por não poder falar sobre como as mães realmente se sentem sem serem julgadas.

Julia Fox fala sobre o que anda passando na primeira experiência materna (Foto: Reprodução/ Hola!Celebrities)

Em um vídeo postado nas redes sociais na quinta-feira passada, dia 29 de setembro, Fox explicou o porque ela acha que a DDP é afetada pelos papéis tradicionais de gênero. “Desde que éramos meninas, nos disseram que ter um bebê é o objetivo final, é a melhor coisa que vamos fazer”, disse ela enquanto estava na banheira. “É tipo, nossas vidas não terão sentido se você não tiver bebês e isso vai resolver todos os nossos problemas…isso só piorou drasticamente minha vida inteira. Isso não é como o conto de fadas que eu estava esperando. Mas como podemos dizer isso em voz alta?”

Na longa lista de tabus de uma futura mãe ou de uma mãe recente, a depressão pós-parto (DPP) tem seu lugar no topo. Apesar de ser relativamente comum, a depressão pós-parto é amplamente mal compreendida. A condição afeta de 10% a 20% das novas mães e impacta brevemente cerca de 70% a 80% na forma de ‘baby blues’, uma condição menos severa e de curta duração.

A mãe comentou na rede social que estava farta do barulho causado pela vizinha
A DDP afeta muitas mães e é mais comum do que parece (Foto: Getty Images)

“Como todas as doenças mentais, há tanto estigma e estereótipos que cercam a depressão pós-parto que torna difícil para uma nova mãe pedir ajuda ou admitir que ela pode estar lutando contra isso”, diz Crystal Karges, uma mãe especialista em saúde da Crystal Karges Nutrition que também passou por depressão pós-parto. “Muitos dos sintomas da depressão pós-parto são frequentemente mal compreendidos ou confundidos como parte da ‘nova maternidade’, quando, na verdade, pode ser uma doença mais séria que justifique intervenções profissionais”.

Grande parte da discrepância entre a aparência da depressão pós-parto e o que realmente é, vem da maneira como é retratada na mídia e na sociedade, especialmente nas redes sociais. Estamos acostumados a ver um de dois extremos – a mãe feliz que se sente além de #abençoada por ter ganhado de presente seu bebê precioso e que aproveita cada momento #semfiltro, e a nova mãe profundamente abatida que não consegue parar de chorar porque seu mundo foi virado de cabeça para baixo. A realidade, entretanto, é que existe todo um espectro de sintomas intermediários que são muito mais sutis – e muitos deles são específicos para a mãe que apresenta esses sintomas. Em outras palavras, os sintomas nem sempre são únicos.

Embora não haja uma causa, as mudanças físicas são parcialmente responsáveis: as oscilações hormonais que ocorrem após o parto são intensas e podem afetar significativamente seu humor. Outros problemas que tendem a acompanhar o estágio do recém-nascido, como privação de sono ou mudanças nos relacionamentos, também podem ser uma tensão.

@juliafox#stitch with @devotedly.yours ♬ original sound – Julia fox

Fox continuou sua explicação na legenda do vídeo, escrevendo: “E para [vocês] inimigos, sim, eu amo meu filho até a morte, mas acho que precisamos começar a ter esse [diálogo]. Uma vida sem um filho pode ser tão gratificante quanto. Se não mais, as mulheres são mais do que apenas uma de nossas muitas funções biológicas. As mães vão entender isso. Mas nem todo mundo vai.”

Assista ao POD&tudo, o podcast da Pais&Filhos, com Bia e Branca Feres:


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

(Foto: Reprodução/Redes sociais)

Família

Mani recebe recado de Yasmin Brunet após anunciar fim da relação com Davi

Davi e Mani possuem 20 anos de diferença entre eles - Reprodução/Instagram

Família

Mani deixa de seguir Davi no Instagram e toma atitude sobre a relação com o campeão do BBB

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer

Andreas Richthofen vive isolado - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Andreas Richthofen dá 1ª entrevista e diz que procura a irmã há 4 anos: "Tem assuntos pendentes"

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Sabrina Sato compartilha momentos da viagem para Paris com Zoe, Nicolas Prattes e família do ator - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Sabrina Sato se declara para Nicolas Prattes após Duda Nagle anunciar separação