Família

Brasil entra em estado de emergência da gripe aviária após 8 casos confirmados

Eles anunciaram na última segunda-feira, 22 de março - Reprodução/ Pexels: Polina Tankilevitch
Reprodução/ Pexels: Polina Tankilevitch

Publicado em 23/05/2023, às 12h20 por Gabriela Xavier, filha de Priscila e Ivan


O Ministério da Agricultura e Pecuária anunciou na última segunda-feira, 22 de maio, uma emergência zoosanitária no país após a confirmação dos casos da gripe aviária de alta patogenicidade (H5N1). Até o presente momento, oito casos nos animais já foram confirmados, e nenhum em humanos.

A notícia foi publicada em uma edição extra do Diário Oficial da União (DOU). No início, a decisão terá validade de 180 dias. Ainda, para fortalecer a vigilância contra a doença, será estabelecido um Centro de Operações de Emergência (COE). O Ministério da Agricultura e Pecuária já tinha suspendido as feiras de exposição e criação de aves ao ar livre, com um acesso a piquetes  sem telas na parte superior.

Na nota do Ministério, foi atualizada a quantidade de casos confirmados em cada estado. “Até o momento, são oito casos confirmados em aves silvestres, sendo sete no estado do Espírito Santo, nos municípios de Marataízes, Cariacica, Vitória, Nova Venécia, Linhares e Itapemirim, e um no estado do Rio de Janeiro, em São João da Barra. As aves são das espécies Thalasseus acuflavidus (trinta-réis de bando), Sula leucogaster (atobá-pardo) e Thalasseus maximus (trinta-réis real)”, declarou.

Médico avaliando exames
Eles anunciaram na última segunda-feira, 22 de março (Foto: Reprodução/ Pexels: Polina Tankilevitch)

As informações ainda alertam que pessoas não recolham ou entrem em contato com aves doentes ou mortas. A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) falou sobre a situação. Os representantes já falaram que se trata de uma medida de antecipação prevista e amplamente discutida pelo Ministério com o setor produtivo.

Pandemia?

Foi revelado na sexta-feira, 3 de março, que a Organização Mundial da Saúde (OMS) se prepara para uma nova possível pandemia de gripe aviária. Wenqing Zhang, chefe do programa de influenza, ainda disse que a agência está consultando fornecedores de vacinas para que possam analisar a capacidade de produção destas caso o H5N1 vire um caso de emergência para a saúde mundial.

Nas últimas semanas, um aumento nos casos de gripe aviária entre animais, o falecimento de uma menina de 11 anos no Camboja depois da infecção pela cepa 2.3.2.1c do vírus H5N1, além de outros dois casos entre chineses marcaram a área da saúde ao redor do mundo. Uma mulher de 53 anos acabou sendo contaminada pela 2.3.4.4b do H5N1 e um homem de 49 recebeu o diagnóstico da gripe aviária A (H5N6).

A gripe aviária merece atenção no cenário atual (Foto: Reprodução/Instagram/@galinhacaipira04)

Até o momento, não há indicação alguma entre os dois diagnósticos na China ou que a transmissão do vírus tenha sido dada de pessoa para pessoa; nesse caso, a principal suspeita dos analisadores é que este tenha sido passado das próprias aves aos indivíduos.

Quando questionada por jornalistas através de uma coletiva de imprensa se o vírus pode se tornar o grande responsável por uma nova pandemia, Wenqing noticiou que cada uma das cepas possui seu próprio potencial de se tornar um caso de emergência à saúde. Por outro lado, ela relatou que a 2.3.4.4b, sendo espalhada globalmente – principalmente nas Américas do Norte e do Sul –, merece uma atenção especial.

“Cada uma dessas cepas tem potencial pandêmico. Não sabemos qual poderá levar a uma próxima pandemia. Precisamos monitorar todas. A OMS tem consultado reguladores e fornecedores para entender quando será necessário mudar a capacidade de produção das vacinas sazonais para uma pandemia”, revelou Wenqing.

A OMS já está à procura da vacina funcional contra o vírus da H5N1 (Foto: Shutterstock)

A chefe do programa de influenza afirmou que, para uso em pandemia, existem aproximadamente 20 vacinas licenciadas que têm como alvo o vírus H5N1, mas não é possível dizer qual é totalmente funcional. Com isso, a OMS procurou criar um banco de imunizantes candidatos para a aceleração da resposta de prevenção: “A OMS tem consultado reguladores e fornecedores para entender quando será necessário mudar a capacidade de produção das vacinas sazonais para uma pandemia”.

Veja também: Vacinas salvam vidas: tudo sobre a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe

Vacina é um tema tão essencial que, pela primeira vez, a Pais&Filhos se uniu ao Ministério da Saúde e Crescer nessa causa. Estamos juntos para conscientizar a população sobre a importância da imunização contra a gripe e estimular a vacinação, com foco nos grupos prioritários


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

(Foto: reprodução/Instagram)

Família

Lore Improta mostra evolução da barriga e avisa: "Tem mais neném chegando"

Menina morre em tubulação de piscina - (Foto: Reprodução)

Família

Menina de 8 anos é encontrada morta em tubulação de piscina em hotel luxuoso

Ticiane Pinheiro e família - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Ticiane Pinheiro fala sobre gravidez e chegada de segundo filho com César Tralli

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

Sabrina Sato compartilha momentos da viagem para Paris com Zoe, Nicolas Prattes e família do ator - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Sabrina Sato se declara para Nicolas Prattes após Duda Nagle anunciar separação

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar