Criança

Pesquisa de Harvard aponta 7 formas de criar uma criança boa

Você deve ser a referência do seu filho; veja como fazer isso da melhor maneira

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

shutterstock_350033597

(Foto: Shutterstock)

Todos os pais desejam criar um bom filho, alguém que seja gentil, compreensivo, politicamente correto e por aí vai. Seu filho não pode aprender essas coisas sozinho, ele precisa ser guiado por você. De acordo com uma pesquisa de desenvolvimento humano feita pela Universidade de Harvard, há sete maneiras de transformar esse pequeno ser humano em um adulto exemplar.

1. Passe tempo com seu filho e converse bastante com ele

Praticando isso regularmente, ele vai aprender com você através do exemplo. Encoraje o esforço da criança e elogie suas conquistas. Uma amizade positiva e cheia de respeito entre vocês, será o parâmetro de como bons relacionamentos devem ser.

Anúncio

FECHAR

2. Seja um bom exemplo

Crianças vão respeitar o que é dito quando verem que você faz o mesmo, então preste atenção nos valores que está passando para o seu filho. Você é honesto? Se importa com o próximo? Demonstra compaixão? Não adianta querer que a criança produza essas coisas, se ela não enxerga isso em você.

3. Seja claro nos seus ensinamentos e priorize a bondade

Se preocupar com os outros precisa estar no topo das prioridades. Mantenha esse ensinamento ativo encorajando seu filho à prática não só em casa, mas também na escola e na comunidade.

4. Dê responsabilidades para ele

Arrumar a cama, ajudar a preparar o café-da-manhã, levar a roupa suja até a lavanderia. Dê pequenas responsabilidades para eles entenderem que as coisas precisam de cooperação para acontecer.

5. Incentive a criança a aprender com o exemplo dos outros (bom ou ruim)

Não analise com ele apenas os membros da família, converse com seu filho sobre as coisas boas e ruins que estão acontecendo no mundo. Pergunte o que ele acha da atitude das pessoas e discuta sobre como vocês agiriam na mesma situação. Incentive-o a ser compreensivo e praticar compaixão.

6. Providencie a oportunidade do seu filho praticar uma boa ação

Quando ele se deparar com um problema, ajude-o a tomar uma atitude a respeito disso. Encoraje-o a juntar forças com outros amigos para resolver a situação.

7. Ajude seu filho a lidar com os próprios sentimentos 

Faça com que a criança tenha liberdade de expor o que está sentindo e ajude-a a trabalhar aquele sentimento da melhor forma.

 

Leia também:

Marcos Mion diz o que aprendeu com o pedido de presente do filho autista

Veja por que você precisa assistir ao filme “Uma Família de Dois”

Você precisa de 8 abraços por dia (pelo menos!)

Pais&Filhos TV