Criança

5 maneiras de encorajar uma criança tímida

Com incentivo e prática, seu filho vai começar a se sentir mais confortável para começar a interagir

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

crianca-timida

(Foto: Shutterstock)

Algumas crianças são tímidas. Elas não gostam de cumprimentar o vizinho, dar “oi” para amiga que a mãe encontrou no super mercado e até mesmo rejeitam brincar com outra criança quando não se sentem confortáveis. A gente sabe que isso faz parte da personalidade, porém às vezes os pequenos até gostariam de interagir, mas não sabem como começar. Para você conseguir ajudar seu filho a desenvolver essas habilidades, nós separamos 5 dicas super fáceis de praticar:
Mude sua linguagem
“Quando você diz, ‘Desculpe, ele é tímido’, para outro adulto que está tentando se comunicar, a criança entende que o silêncio dela é algo negativo”, diz Erica Reischer, autora de What Great Parents Do: 75 Simple Strategies for Raising Kids Who Thrive (O que grandes pais fazem: 75 Simples Estratégias para Educar Crianças Prósperas). Ela sugere que você troque para algo como, “Ele gostaria de ficar em silêncio agora”. Assim, seu filho entende que o responsável reconhece e respeita como ele se sente naquele momento. Criando um ambiente de aceitação entre a sua família, a criança vai sentir liberdade de ser quem ela é.
Mantenha o diálogo aberto
Converse com o seu filho logo após um episódio em que ele não se sentiu confortável para falar. Pergunte “O que aconteceu quando aquele homem disse “oi” para a gente? Você se sentiu desconfortável?”, sugere Heidi Kiebler-Brogan. Você também pode oferecer alguns conselhos para ajudá-lo da próxima vez. Se a criança não quiser dizer “oi”, pode sugerir que ele acene ou somente sorria.
Pratique interação social
“Minha primeira estratégia é praticar, praticar e praticar!”, diz Maria Zimmitti, presidente da Associação de Psicologia de Georgetown em Washington. Ela diz que uma criança tímida deve ser gentilmente introduzida ao convívio social. Tente não colocar seu filho em um Playground enorme de primeira e forçar a interação. Comece aos poucos, com pequenos lugares e apenas mais um amiguinho. Conforme o tempo for passando, e ele se sentir confortável, vá para lugares maiores.

Planeje com antecedência 

Se há uma festa de aniversário se aproximando, trabalhe algumas estratégias antes. Diga ao seu filho: “É legal você cumprimentar a aniversariante e dizer ‘Feliz aniversário'”. Depois pratiquem juntos para ele se sentir preparado quando estiver na festa. Você também pode sugerir que ele leve o brinquedo preferido, isso pode servir de quebra-gelo para a comunicação, recomenda Cain. Só tente evitar ser a última pessoa a chegar na festa. Chegue cedo, assim as pessoas podem ir se aproximando da criança aos poucos.

Reforce

Anúncio

FECHAR

Crianças respondem bem para reforços positivos. Você pode aumentar a confiança dela reconhecendo e elogiando novas habilidades. Mas não suborne. Ao invés disso, reconheça os avanços aos poucos. “Se seu filho está se divertindo na festa, diga: ‘Eu vi você se divertindo!'”, diz Dr. Reischer. Naquele momento ele vai perceber: “Ei, eu estava mesmo!”.

 Leia também:

Pais&Filhos TV