Bebês

Qual é a personalidade do seu bebê?

Identifique o perfil do seu filho e saiba como lidar melhor com ele

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Ativo, sensível, agitado, tranquilo... os bebês podem ser divididos em várias personalidades (Foto: Shutterstock)

Ativo, sensível, agitado, tranquilo… os bebês podem ser divididos em várias personalidades (Foto: Shutterstock)

Alguns comportamentos dos bebês podem determinar a personalidade dele. Identificar como ele dorme, se alimenta e responde a coisas e situações novas pode ajudar a encontrar maneiras mais fáceis para deixá-lo confortável. Veja, abaixo, em qual perfil seu filho se encaixa a e aprenda como lidar melhor.

Leia mais:

Dicas para aproveitar os pequenos momentos com seus filhos com qualidade

Anúncio

FECHAR

Saiba como sua gravidez influencia na personalidade do bebê

Qual é o temperamento do seu filho?

Ativo

Alguns bebês estão sempre em movimento. Normalmente, esses bebês gostam de explorar. Essa é uma característica que você deve tentar desenvolver. Escolha brinquedos que o incentive a jogar, leve-o para fazer atividades com você e procure locais com parquinhos e atividades estimulantes.

Crianças ativas também estão sempre mexendo em algo. Sendo assim, é preciso ficar especialmente de olho no que elas estão fazendo. Mesmo com as tomadas elétricas cobertas, preste atenção naqueles perigos menos óbvios, como um móvel que ela pode escalar.

Também é importante saber acalmar essas crianças ao final do dia. “Elas precisam ter uma rotina bem relaxante antes de dormir”, explica Debbie Thompson, uma enfermeira pediátrica do Centro Médico Infantil, em Dallas, nos Estados Unidos. Tocar uma música suave, ler histórias ou fazer massagens podem ajudar.

Sensível

Este tipo de criança é mais vulnerável ao que acontece no ambiente. Ela fica chateada quando ouve barulhos e pode se contorcer quando a etiqueta da camiseta está incomodando, por exemplo. Ela também pode se sentir sobrecarregada quando sente cheiros fortes, sons diferentes ou percebe muita movimentação.

Atitude da criança é tão importante quanto inteligência

Dança ajuda no desenvolvimento infantil

Os pais deste tipo de bebê precisam aprender a ler os sinais. À primeira vista pode ser frustrante perceber que o bebê se irrita com coisas pequenas, mas saiba que ele é apenas muito consciente e que precisa de ajuda para lidar com essas situações.

De qualquer forma, evite fazê-lo passar por momentos estressantes e respeite o limite dele. Se ele fica sobrecarregado em uma praça de alimentação barulhenta, por exemplo, leve-o para fora por alguns minutos. Se as meias são irritantes, deixe-o com os pés descalços até relaxar.

Ainda assim, certifique-se de não remover todo o estímulo da vida da criança. Bebês sensíveis precisam de exposição a novos sons, texturas e sabores para incentivar o seu desenvolvimento. Eles só precisam de um pouco menos do que outras crianças. Táticas suaves,como balanço e abraços podem ajudar também.

Agitado

Os bebês agitados parecem nunca estarem totalmente felizes. Eles podem ficar bravos quando não conseguem tirar uma soneca, se recusam a comer novos alimentos e choram com a visão de rostos desconhecidos.

Com os bebês dessa personalidade, é importante manter a rotina, porque os bebês agitados têm um relógio biológico enrolado e só deles. Não evite novas experiências, entretanto. Elas ajudam a aumentar as competências sociais e cognitivas do seu filho.

“O ideal é tomar medidas aos poucos para reduzir o medo do desconhecido,” ensina o psicólogo Jerome Kagan, professor da Universidade de Harvard, em Massachusetts, nos Estados Unidos.

Diferentes formas de aprender

Faça o teste e descubra: será que o seu jeito de educar está de acordo com a personalidade do seu filho?

Deixe o seu bebê cumprimentar uma pessoa nova nos seus braços, por exemplo, em vez de colocar ele no colo da outra pessoa. Ela precisa de um pouco mais de atenção sua para ajudá-lo a se sentir seguro e feliz em seu mundo.

Tranquilo

Também existem os bebês que frequentemente contribuem para a paz do ambiente e se adaptam a coisas novas com mais facilidade.

Mesmo com toda essa tranquilidade, ainda é importante manter uma rotina. Todos os bebês precisam de estrutura para se sentirem seguros. Não há necessidade de ser rígido sobre a programação, no entanto. O almoço, por exemplo, e a hora de deitar sigam horários parecidos, mas você pode ser mais flexível sobre os passeios e banhos.

Você também deve certificar-se de que seu bebê seja ativo. É fácil pensar que ele está tranquilo o dia todo e não precisa muito de você, mas ainda é essencial que ele tenha interação, afeto e seja estimulado.

*Trazido da revista norte-americana Parents