Bebês

EUA criará lei que obriga carro ter alarme para não esquecer a criança no carro

Zane Endress e Josiah Riggins foram as últimas vítimas dessa tragédia

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

untitled-design

(Foto: Shutterstock)

Mais duas crianças morreram em acidentes diferentes no Arizona, Estados Unidos, neste último final de semana depois de serem esquecidas no carro durante o sol quente. Especialistas americanos disseram que houve um record no números de mortes de crianças em carros quentes este ano. Os Defensores das Crianças querem desenvolver uma lei que faça os fabricantes de automóveis criarem um alarme que avise quando a criança é esquecida no banco traseiro.

“Um simples sensor pode salvar a vida de dezenas de crianças”, explica Sen. Richard Blumenthal. “Pode levar apenas alguns minutos para um ficar quente demais durante um dia de calor”. Zane Endress, que tinha 7 meses, faleceu na última sexta após ser deixado no carro e Josiah Riggins, de 1 ano de idade, passou quatro horas dentro do carro fechado no último sábado. “Ninguém imagina que isso possa acontecer, por isso que a tecnologia somada a uma boa educação, pode ajudar a prevenir tragédias”, afirma Janette Fennel. “Isso pode e acontece com o mais amoroso, responsável e atencioso pai”.

 

Anúncio

FECHAR

Leia também:

Nasceu! Karina Bacchi dá à luz Enrico, seu primeiro filho

Semana Mundial da Amamentação: não existe leite fraco 

Grávidas no volante: 4 dicas para dirigir com segurança

Pais&Filhos TV