Bebês

18 situações engraçadas que ilustram como é difícil sair de casa com o bebê

Parece fácil ir ali até o shopping, mas é uma grande aventura

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

 

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Todo mundo sabe que após o nascimento dos filhos sair de casa com crianças de até 1 ano exige o mínimo de planejamento. Mas por que parece ser tão difícil passear com a família, se é só pegar as coisas e ir para o destino? Traçamos uma típica saída de casa quando somente um dos pais está em casa e é claro que será você o escolhido da vez. Visualize com a gente:

1 – O passeio foi escolhido: Ir ao shopping perto de casa. Parece um destino fácil, né? Primeiro erro localizado. Nunca subestime uma caminhada nos corredores do shoppings com crianças e sacolas.

Anúncio

FECHAR

2- A bolsa: Não estamos falando daquele objeto tão adorado pelas mulheres que combina com a roupa e acessórios. Esse é o menor dos problemas. Estamos falando de praticamente uma mala de sobrevivência. Veja no item 3 por que;

3- Vamos chamar a bolsa de sair com as crianças de “mala de mágico”. Cada mãe tem a sua. Ela precisa garantir que você não tenha que voltar pra casa, pois se voltar para pegar alguma coisa, pode desistir de sair. Ela é tão pesada, que provavelmente você terá que fazer reparos no zíper, porque é muito difícil fechá-la;

4- Itens básicos da mala de mágico para 4 horas de passeio (que é o tempo máximo que você vai aguentar): água, fraldas, leite, potinhos e colher para preparar o leite, lanchinhos, lenço umedecido,  remédios, trocador, roupa de calor (mesmo se tiver frio), roupa de frio (mesmo se tiver calor);

5- Por ser uma mala de mágico de lá devem sair itens que proporcionem alegria e entretenimento para distrair a criança quando ela ficar entediada. Sim, diferentemente dos adultos, as crianças sentem tédio no shopping;

6- Bolsa pronta, vamos à criança: Separe duas trocas. A primeira é a que você vai colocar torcendo para que seja a roupa de passeio. Mas sabemos que a segunda opção é importante, porque até sair de casa, ela provavelmente já vai ter se sujado;

7- Criança pronta, você precisa se arrumar: As idas ao shopping agora são diferentes. Você vai optar por roupas e sapatos confortáveis. Maquiagem torna-se um luxo. O cabelo já tem até a marca do rabo de cavalo. Você não querer perder tempo escolhendo roupa, pois corre o risco da criança ficar com fome ou dormir antes mesmo de você sair de casa.

8 – Mãe e filho prontos. Hora de checar se está tudo desligado na casa e juntar as coisas para sair. Bolsa pessoal, ok! Mala de mágico, ok também! Filho… sujou a fralda… o xixi vazou na roupa. A gente avisou que isso podia ocorrer! Hora de usar a roupa extra.

9- Filho trocado pela segunda vez, fralda checada. Agora vai!

10- A pomada anti-assaduras! Você quase esqueceu. Coloque na mala de mágico;

11- Você conseguiu entrar no elevador com o filho, a bolsa, a mala de mágico e ainda conseguiu desviar dos vizinhos que queriam puxar papo. Você está próximo da vitória;

12- Criança no carro. Ah, a cadeirinha. Por que, de vez em quando, as crianças relutam em sentar na cadeirinha, né? Respire fundo. Você vai conseguir ir ao shopping. Já virou questão de honra;

13- Você liga o carro e quer colocar o endereço do shopping no Waze. Cadê o celular? Ficou no apartamento. Você pensa que pode deixar o celular em casa, mas sabe que essa é uma escolha perigosa. Tira a criança da cadeirinha e volta para casa.

14- Quando volta para casa, você se questiona se realmente ainda quer sair. Será que é preciso? Mas seja firme. De qualquer forma, as bolsas já estão no carro.

15- Celular em mãos. Você não pegou o paninho de boca. Ainda bem que precisou voltar! Leve um para colocar na mala de mágico.

16- Criança. Paninho. Celular. Elevador. Carro. Cadeirinha. UFA!

17- Você vira a chave e percebe que o passeio ainda nem começou e você já está cansada. Mas desistir a esta altura do campeonato seria um desaforo e, então, você pisa no acelerador: agora vai de verdade!

18- Você chegou ao shopping. Parabéns! O seu filho dormiu cinco minutos depois e você acaba sentando no banco quietinha enquanto toma um sorvete e descansa da aventura que é sair de casa com uma criança pequena.

*Por Carolina Piscina e Vanessa Teodoro

Leia mais:

21 situações que mostram por que a internet ama o príncipe George

13 coisas engraçadas que fazemos quando tentamos engravidar