Notícias

“Quando eu tirei Jackson do carro, soube na hora que seu pescoço estava quebrado”

Após acidente de carro, bebê de 16 meses passa por cirurgia inédita e médicos afirmam que um milagre aconteceu. O depoimento da mãe é emocionante

Carolina Piscina

Carolina Piscina ,filha de Ana Maria e Osvaldo

acidente-carro

Os acidentes de carro por causa de imprudência no trãnsito são recorrentes no mundo inteiro, inclusive aqui no Brail. A família de Jackson Taylor passou por um trauma envolvendo esse tipo de tragédia que não será superado tão facilmente. No dia 15 de setembro, a mãe e dois filhos, uma menina de 9 anos e   um bebê de 16 meses, estavam dentro do carro em uma rodovia da Austrália, quando foram atingidos por um veículo a 110 quilômetros por hora.

Rylea Taylor, mãe de Jackson conta que, ao se aproximarem de uma curva, uma densa fumaça apareceu na rodovia, ela freou o veículo, mas a batida foi inevitável. No carro que os atingiu, estavam adolescentes em uniformes escolares, que treinavam uma manobra arriscada com os veículos, conhecida como cavalo de pau, na beira da estrada.

Anúncio

FECHAR

A irresponsabilidade desses jovens fez com que Jackson, de apenas um ano, quebrasse duas vértebras do pescoço e a clavícula (seu crânio foi separado da coluna vertebral, fenômeno conhecido como decapitação interna). Felizmente, após 6 horas de cirurgia, os médicos conseguiram com que o menino se recuperasse sem sequelas, resultado que foi considerado pela equipe do hospital como um verdadeiro milagre.

“Minha filha estava inconsciente, meu filho de 16 meses estava gritando. Os dois estavam com o rosto sangrando. Quando eu tirei Jackson do carro, soube na hora que seu pescoço estava quebrado. Enquanto eu chutava a porta do carro para conseguir abri-la, eu fiquei frente a frente com esses três garotos irresponsáveis, de uniforme escolar, que quebraram minha família.”, contou a mãe do menino em entrevista.