Notícias

Criança diz não poder ir à festa porque aniversariante é negra

O episódio de racismo aconteceu nos Estados Unidos

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Parece mentira, mas aconteceu de verdade em Memphis, Estados Unidos: Harmony Jones, uma menina de 10 anos, recebeu em seu aniversário uma carta de uma colega de escola dizendo que não poderia ir na festa porque Harmony é negra.

“Não poderei ir à sua festa porque meu pai não vai deixar porque você é negra. Não quero ser racista, mas minha mãe deixa. Feliz aniversário”, dizia a carta.

Barbara Davis, da escola Highland Oaks Elementary School, onde as meninas estudam, disse que isso foi um incidente lamentável isolado. Na região da escola, 75% da população é formada por pessoas negras e 17% por brancos.

Anúncio

FECHAR

Christopher Jones, pai de Harmony, ficou surpreso com o ocorrido. “Isso me deixou bravo. É doloroso saber que minha filha de 10 anos tem de lidar com isso e nunca pensei que eu teria que lidar com isso. Acho que como pais temos que estar mais atentos e conscientes sobre o que ensinamos aos nossos filhos.”

Apesar de tudo, a pequena Harmony (adoramos esse nome, que quer dizer Harmonia, em inglês), aproveitou muito a festa com as amigas que compareceram.