Notícias

Chinesa fez a filha acreditar que era adotada durante 13 anos

A mãe criou a mentira para "melhorar a educação" da menina que estava mimada

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Uma chinesa chamada Shen está sendo notícia no mundo todo depois de ter sua história contada num telejornal em seu país e no tablóide inglês, The Mirror. Ela mentiu para a filha Cheng Cheng durante 13 anos, fazendo-a acreditar que era adotada. Bastante polêmico, o método foi utilizado depois que a mãe percebeu que a filha de 9 anos estava com um comportamento “mal educado e mimado”.

Querendo o melhor para filha,  criou a mentira que foi eficaz, segundo ela. Hoje, Sheng Sheng trabalha em uma empresa grande e reconhecida, é casada e pretende ter filhos. Quando Shen contou a verdade à sua filha, 13 anos depois, ela estava evidentemente confusa. Mas, a mãe disse não se arrepender do “método”. 

Anúncio

FECHAR