Família

Outubro Rosa: tudo sobre a prevenção do câncer de mama e a importância do autoexame

O diagnóstico precoce faz toda a diferença - Freepik
Freepik

Publicado em 01/10/2022, às 07h30 - Atualizado em 02/10/2023, às 11h05 por Cinthia Jardim, filha de Luzinete e Marco


Câncer de mama é mais incidente em mulheres no mundo, com aproximadamente 2,3 milhões de casos novos estimados em 2020, o que representa 24,5% dos casos novos por câncer em mulheres, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA). É também a causa mais frequente de morte por câncer nessa população, com 684.996 óbitos estimados para esse ano (15,5% dos óbitos por câncer em mulheres) (IARC, 2020).

O INCA também estima que 704 mil novos casos da doença devem surgir anualmente no Brasil até 2025, principalmente nas regiões Sul e Sudeste, com 70% da incidência.

Mulheres se unem contra o câncer de mama
O diagnóstico precoce faz toda a diferença (Foto: Freepik)

Priscila Beatriz Oliveira dos Santos, mastologista e membro da Sociedade Brasileira de Mastologia, orienta que realizar exames de rotina é uma forma de identificar o problema cedo: “É sempre bom ressaltar que a mamografia é essencial para o diagnóstico precoce. Por isso, não deixe de realizá-la, já que este exame pode diminuir a mortalidade em até 30%, quando feito periodicamente”.

O câncer de mama é o tumor mais frequente entre as mulheres

Segundo uma pesquisa recente realizada pelo Ibope Inteligência, a pedido da Pfizer, felizmente, cerca de 72% das mulheres entrevistadas vão ao ginecologistaou mastologista pelo menos uma vez ao ano. Entretanto, uma a cada quatro disseram que não falam com o médico sobre prevenção e não recebem orientações sobre a importância de um checkup anual ou de como realizar o autoexame.

Quais sinais preciso ficar de olho?

  • Edema da pele
  • Inchaço em uma parte ou em toda a mama, mesmo que não seja um nódulo
  • Vermelhidão na pele
  • Assimetria das mamas
  • Espessamento ou retração da pele ou do mamilo
  • Secreção saindo pelos mamilos
  • Dor no mamilo ou na mama

É possível prevenir?

O câncer de mama, a partir de uma prevenção primária, pode estar relacionado à fatores hereditários e também àqueles que são modificados com o tempo como, por exemplo, inatividade física, consumo de álcool, terapia de reposição hormonal e excesso de peso corporal, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA).

Na maioria dos casos de tumor na mama, cerca de 90% a 95% não estão associados a causas genéticas. A partir de hábitos de vida mais saudáveis, com uma alimentação adequada, nutrição e prática regular de exercícios, os riscos do desenvolvimento da doença podem ser diminuídos. Além disso, é recomendado também a amamentação como um fator protetor, segundo o instituto.

É importante manter consultas e exames em dia todo ano (Foto: Shutterstock)

Autoexame: como fazer?

De acordo com as orientações do Instituto Brasileiro de Controle de Câncer (IBCC), o autoexame deve ser realizado uma vez a cada mês, na semana seguinte ao término da menstruação. Existem duas formas de fazer o autoexame, são elas:

No chuveiro ou deitada:

  • Coloque a mão direita atrás da cabeça. Deslize os dedos indicador, médio e anelar da mão esquerda suavemente em movimentos circulares por toda a mama direita. Repita o movimento utilizando a mão direta para examinar a mama esquerda.

Diante do espelho:

  • Levante os braços, colocando as mãos na cabeça. Observe se ocorre alguma mudança no contorno das mamas ou no bico
  • Repita a observação, colocando as mãos na cintura e apertando-a. Observe se há qualquer alteração
  • Finalmente, esprema o mamilo delicadamente e observe se sai qualquer secreção. A observação de alterações cutâneas ou no bico do seio, de nódulos ou espessamentos e de secreções mamárias não significa necessariamente a existência de câncer.

Leia também

Foto: Reprodução/Instagram

Família

Paula Fernandes revela estar com doença: "Tenho apenas alguns dias de vida"

Samsung Galaxy S24 Ultra - Divulgação

Lançamento

Ofertas do dia: recém-lançado Galaxy S24 Ultra da Samsung com desconto de 27%

Foto: Reprodução/ Tv Globo

Família

Boletim revela estado de saúde de Tony Ramos após cirurgia no cérebro às pressas

(Foto: Silvio Avila/AFP)

Família

Doações para o Rio Grande do Sul: veja onde e como doar às vítimas de forma segura

Ter um diálogo com os filhos fortalece a relação entre o adulto e a criança - Getty Images

Família

37 perguntas divertidas para iniciar uma conversa com seu filho

O momento da escolha do nome é superespecial e deve ser vivido com muito carinho pela família - Getty Images

Bebês

210 nomes masculinos para bebês: ideias fortes (e lindas!) para você chamar o seu filho

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar