Família

Menina de 5 anos é resgatada após ficar oito horas em bueiro a -20ºC na Rússia

Reprodução / Kenyan News
Reprodução / Kenyan News

Publicado em 22/01/2021, às 07h56 por Camila Montino, filha de Erinaide e José


No último domingo, 17 de janeiro, na Rússia, uma menina de apenas cinco anos passou por momentos de sufoco após cair dentro de um bueiro na ilha de Sacalina. Yana Khairulina, ficou cerca de oito horas dentro do local, que fica escondido no chão por conta da neve. Após o desaparecimento da garota, centenas de voluntários ajudaram na busca.

(Foto: Reprodução / Kenyan News)

Yana Khairulina não sofreu traumas físicos graves pelo incidente. Os pais da menina contaram que deixaram ela sair para brincar sozinha, mas ao perceber que ela estava desaparecida entraram em contato com a polícia e pediram ajuda para os vizinhos. Ao perceberem que a garota não estava sendo localizada, realizaram um pedido de ajuda nas redes sociais para recrutar voluntários na busca.

Enxoval do bebê

Está preparando o enxoval ou a lista para o seu chá de bebê? Olha só essa novidade: você pode criar sua lista personalizada com produtos na Amazon, que pode ser compartilhada com amigos e familiares em várias plataformas. Além disso, você também pode ganhar 10% de desconto na compra na maioria dos itens! Saiba mais sobre a ferramenta e veja produtos para o enxoval do bebê CLICANDO AQUI. Para montar a sua lista, acesse AQUI!

Buscas

Após a publicação, mais de trezentas pessoas estavam andando pelo bairro em que ela mora, ajudando na busca, verificando todos os blocos de apartamentos, parques e lojas. Os voluntários e a polícia buscavam a menina, pistas sobre o paradeiro dela e alguém que ao menos pudesse ter visto a criança desaparecida. Pescadores também se uniram pela causa e verificaram a costa da ilha com o auxílio de tochas e lanternas.

“Nunca vi tantos voluntários em nossa área. Era um fluxo interminável de carros e famílias inteiras vinham ajudar”, disse um morador local que participou da busca, segundo a Kenyan News. Após 8 horas de buscas, Yana foi encontrada. Os socorristas descobriram que ela estava sentada dentro de um bueiro encoberto pela neve pesada que caía sobre a ilha. Muitos voluntários disseram ter passado pelo buraco em formato de poço sem sequer perceber que ele estava ali.

Como a temperatura ambiente era de -20 °C, a menina foi levada às pressas para um hospital infantil, onde os médicos avaliaram que ela não sofreu traumas graves pelo tempo debaixo de neve. Agora, a menina receberá atendimento psicológico, para ela se recuperar da hipotermia e seus hematomas estiverem curados.

Agora, as autoridades locais abriram um inquérito para chegar até o responsável por cuidar do bueiro, também solicitaram para os serviços comunitários verifiquem o estados de outros bueiros da região. Além disso, uma investigação está sendo realizada para apurar se houve negligência por parte dos pais da garota.


Leia também

Reprodução: Instagram

Família

Amanda Kimberlly se declara em primeira foto da filha no feed do Instagram

Amanda Kimberlly participou de reality show e namorou cantor famoso - (Foto: reprodução/X)

Família

Antes e depois de mãe da 3ª filha de Neymar surpreende: "Mudou o DNA"

Rafaella Santos afirma que não parou de seguir Bruna Biancardi nas redes sociais - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Irmã de Neymar se defende após ser acusada de deixar de seguir Bruna Biancardi no Instagram

Rafaella Santos deixa se seguir Bruna Biancardi - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Irmã de Neymar dá unfollow em Bruna Biancardi após compartilhar foto de filha de Amanda Kimberlly

(Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Neymar Jr mostra o rosto de filha com Amanda Kimberlly pela primeira vez

Foto: Reprodução/Instagram

Família

Paula Fernandes revela estar com doença: "Tenho apenas alguns dias de vida"

Neymar anuncia paternidade de Helena e Bruna Biancardi passa dia com amigas - (Foto: reprodução/Instagram)

Família

Bruna Biancardi aproveita "spa" no dia em que Neymar confirma paternidade da filha de Amanda Kimberlly

O menino de apenas dois anos aprendeu três idiomas - (Foto: Arquivo pessoal)

Família

Menino baiano que leu e escreveu com apenas 1 ano aprende inglês, russo e coreano aos 2 anos