Família

Gypsy Rose, que planejou a morte da mãe abusiva, quer ter filhos: "Avó não estará por perto"

Gypsy Rose - (Foto: Reprodução/ABC)
(Foto: Reprodução/ABC)

Publicado em 29/12/2023, às 18h24 por Eshlyn Cañete, Estagiária | Filha de Rosangela e Christian


Liberta da prisão no dia 28 de dezembro, quinta-feira, Gypsy Rose, de 32 anos, filha que arquitetou o assassinato da própria mãe após ser vítima da Síndrome de Munchausen,  contou em entrevista à Revista People sobre o desejo de ter filhos.

Casada desde 2022 com o professor Ryan Anderson, de 37 anos, Gypsy conheceu o marido através de cartas enquanto ainda estava presa. Após a libertação, ela contou sobre o desejo de construir uma família e recomeçar do zero.

Dee Dee, a mãe, falsificava laudos médicos para que parecesse que a filha tinha leucemia, distrofia muscular e outras doenças. Raspava o cabelo da jovem e a fazia usar cadeira de rodas, mesmo caminhando perfeitamente. No entanto, depois de Gypsy desvendar a armação, aos 23 anos, ela pediu para que Nick Godejohn, o  então namorado, a ajudasse a matar a mãe.

gypsy
Gypsy e o marido (Foto: Reprodução/ABC)

"Estamos apaixonados. É difícil porque estou entrando em uma nova vida e sou recém-casada, terei filhos um dia e terei que explicar aos meus filhos porque a avó deles, por parte de mãe, não está por perto. Essa conversa será muito difícil", desabafou.

Apesar das inseguranças, Gypsy acredita que não cometerá os mesmos erros que a mãe. "Sempre alguém diz: 'Você acha que por causa do que passou, você vai fazer isso com seus filhos?'. E eu digo: 'Quer saber? Absolutamente não'. Não me preocupo com minha maternidade quando se trata disso", comentou.

Sobre a vida de casada, a ex-presidiária acredita que a parte mais difícil já ficou no passado. "Não prevejo grandes dificuldades. Acho que quando estiver com minha família, com os braços do meu marido em volta de mim e cercada dos meus entes queridos, é quando estarei feliz!", finalizou.

Liberdade
Nesta quinta-feira, 28 de dezembro, Gypsy Rose Blanchard foi liberta da prisão antecipadamente após arquitetar o assassinato da mãe, Clauddine Blanchard. Depois de anos de abuso mental e físico, a filha persuadiu o namorado, agora em prisão perpétua, a ajudar a matar a sogra. 

Em 2016, a mulher foi condenada a ficar 10 anos atrás das grades, mas agora está em liberdade condicional, recebida em setembro. De acordo com a TMZ, a jovem cumpriu a pena pelo assassinato em segundo grau. Três anos antes da data prevista, a libertação  de Gypsy foi agendada para hoje. 

gypsy
(Foto: Reprodução/ABC)

A mãe, mais conhecida como Dee Dee, tinha Síndrome de Munchausen, um transtorno mental que simula e provoca sintomas de doenças compulsivamente. Assim, durante anos, Gypsy era forçada a fingir que tinha deficiência. E, depois de a jovem tentar escapar, a mãe amarrou a filha em uma cama e a manteve como refém.


Canal da Pais&Filhos no WhatsApp

Quer receber as principais notícias da Pais&Filhos diretamente no seu WhatsApp? É muito fácil: basta clicar AQUI para seguir o canal. Não esqueça de ativar as notificações para não perder nenhum conteúdo por lá, ok?


gypsy
(Foto: Reprodução/ABC)


No tribunal, a defesa da filha alegou que Gypsy sofreu um abuso incomum, onde o cuidador induz doenças em uma criança para obter simpatia e atenção de outros. "Ninguém jamais me ouvirá dizer que estou feliz que ela está morta ou que estou orgulhosa do que fiz. Me arrependo todos os dias", desabafou em entrevista à RevistaPeople.

O caso já virou uma série chamada The Act  [O Ato] (2019) e um documentário chamado Mãe Morta e Querida (2017). 


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Graciele Lacerda fala sobre chegada de filho com Zezé di Camargo - Reprodução/Instagram

Família

Graciele Lacerda fala sobre chegada de filho com Zezé di Camargo

Foto: Reprodução/ Instagram

Bebês

Fernanda Paes Leme recusa visitas após o nascimento da filha: "Não consigo e não quero"

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer

O momento da escolha do nome é superespecial e deve ser vivido com muito carinho pela família - Getty Images

Bebês

210 nomes masculinos para bebês: ideias fortes (e lindas!) para você chamar o seu filho

O corpo começa a dar sinais de que vem bebê aí bem antes da menstruação atrasar - Getty Images

Gravidez

Sintomas de gravidez: nos primeiros dias, que ninguém sabe, de menino e menina e muito mais