Família

Excursão de cachoeira em Mato Grosso onde menino faleceu tinha mais alunos que o permitido

Menino foi encontrado morto afogado na cachoeira - Reprodução/G1
Reprodução/G1

Publicado em 13/12/2021, às 13h48 por Redação Pais&Filhos


A cachoeira da Prainha no Parque Nacional de Chapadas dos Guimarães, em Mato Grosso, um menino de 14 anos, Daniel Hiarle de Oliveira, foi encontrado morto afogado. A excursão escolar só permitia 24 pessoas no local, porém no dia foram um total de 78 e incluindo 6 monitores.

Na entrada, há uma placa mostrando o limite permitido. De acordo com o delegado da Polícia Civil Alexandre da Silva Nazareth, ainda não se sabe o que realmente aconteceu no local. “Não temos a convicção plena ainda do que ocorreu. A partir do depoimento dos educadores, extrai-se que três alunos brincavam de pular em determinado local da cachoeira e pode ter havido uma queda acidental na água porque o local tem algumas pedras, mas isso ainda é só uma especulação porque a gente depende da análise do laudo pericial para concluir”, disse.

Menino foi encontrado morto afogado na cachoeira
Menino foi encontrado morto afogado na cachoeira (Foto: Reprodução/G1)

Era pra ser um dia divertido de excursão entre amigos e professores da Escola Estadual Professor Welson Mesquita de Oliveira, em Cuiabá, porém ao final do dia Daniel de Oliveira foi encontrado morto. Todos os alunos tinham uma autorização, sem muitos detalhes sobre o passeio, assinada pelos pais.

“É uma trilha de aproximadamente três quilômetros da sede do Véu de Noiva até a [última] cachoeira. A gente veio procurando ele e íamos partir para outros lugares. Decidimos mergulhar e então encontramos o Daniel a aproximadamente três metros de profundidade. Infelizmente achamos ele sem vida”, conta o sargento do Corpo de Bombeiros, Luciano Gonçalo de Barros Moraes.

Depois da tragédia a trilha da cachoeira ficou fechada por 1 dia, e depois reabriu sem exigência de acompanhamento de guia. Segundo o major Emerson Henrique Acendino, do Corpo de Bombeiros Militar, o local tem o solo desigual, cachoeiras, pedras escorregadias que oferecem um certo risco para os visitantes.

A cachoeira em que o menino foi encontrado afogado
A cachoeira em que o menino foi encontrado afogado (Foto: Reprodução/G1)

“O Corpo de Bombeiros orienta que em locais de difícil acesso onde possa receber excursões com várias pessoas, ao adentrar nesses locais, que estejam acompanhados de pessoas que conhecem a região”, afirma.


Leia também

Amanda Kimberlly participou de reality show e namorou cantor famoso - (Foto: reprodução/X)

Família

Antes e depois de mãe da 3ª filha de Neymar surpreende: "Mudou o DNA"

Amanda Kimberlly postou um novo vídeo com Helena e encantou os seguidores - (Foto: Reprodução/ Instagram)

Família

Amanda Kimberlly posta novo vídeo com terceira filha de Neymar: “As caretinhas”

Leo Zagueiro, Regis Danese e Camila Campos - Reprodução: Instagram

Família

Esposa de Leo Zagueiro diagnosticada com câncer no 7º mês de gestação conta que doença se espalhou para os ossos

O casal reatou o relacionamento no início deste ano - (Foto: Reprodução/ Instagram)

Família

Jade Magalhães dá detalhes de chá revelação do primeiro filho com Luan Santana

Jéssica explicou o motivo de não estar na fazenda Talismã - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Filha de Leonardo explica motivo de não ir ao aniversário do pai: “Bloqueando alguns inconvenientes”

Junno é o namorado de Xuxa Meneghel - Reprodução / Instagram @junnoandrade

Família

Namorado da Xuxa descobre que tem filho de quase 40 anos após teste de DNA 

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer

Alezinho disse que gostaria de ver a mãe entrando de amarelo no casamento - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Filho de Ana Hickmann opina sobre casamento da mãe com Edu Guedes e resposta surpreende