Família

Dia Internacional da Educação: como a escola impacta no desenvolvimento do seu filho

Na escola as crianças vivem diversos estímulos do desenvolvimento - Getty Images
Getty Images

Publicado em 28/04/2023, às 12h56 - Atualizado às 13h13 por Marina Teodoro, Editora de digital | Filha de Ana Paula e Gilberto


Nesta sexta-feira, 28 de abril, é o Dia Internacional da Educação. A data vem para conscientizar, e também incentivar, sobre a importância da educação, que é um instrumento essencial para a formação de pessoas responsáveis, sociais e éticas. 

A comemoração surgiu durante o Fórum Mundial de Educação realizado em Dakar, no Senegal, no ano 2000. Durante a conferência, vários países estabeleceram o compromisso de levar a educação básica para as crianças e jovens ao redor do mundo. 

Essa premissa é de extrema importância para que os governos se preocupem com a educação oferecida principalmente nas escolas. Ricardo Almeida, professor de História, e pai de Alexandre e Maria Clara, reforça ainda que é na escola que as crianças vivem diversos estímulos do desenvolvimento, sendo eles: cognitivo, social, intelectual e afetivo. “A escola tem um papel fundamental, ela educa, estimula a interação social, trabalha com a cultura acumulada e absorvida pelos indivíduos, estabelece as normas sociais, além dos valores éticos e morais”. Por isso, mais do que nunca, é necessário que escolas e famílias caminhem juntos pela educação das crianças.

Na escola as crianças vivem diversos estímulos do desenvolvimento (Foto: Getty Images)

Além disso, o professor comenta também que a escola possui uma grande responsabilidade social. “Do ponto de vista pedagógico, independente da escola ser conteudista, sócio construtivista, progressista ou tradicional, todas terão a responsabilidade de entregar à sociedade um indivíduo íntegro, colaborativo, consciente de seu papel na sociedade, solidárioe sobretudo, alguém que saiba como poderá ou irá contribuir para a construção de um mundo melhor”.

Luciana Lapa, vice-diretora pedagógica da Móbile Integral, psicóloga, pedagoga e mestre em Educação Escolar pela Unesp/Araraquara, mãe de Fábio, concorda com essa visão e pontua: “A escola é fundamental para o desenvolvimento integral da criança. É a primeira instituição de âmbito público da qual ela fará parte, é responsável pela socialização secundária, bem como pelo contato das crianças com seus pares e iguais. Além disso, apresentará para as crianças outras figuras de autoridade – além dos familiares – os professores”.

Luciana defende que esse é um espaço rico na construção de conhecimento, seja no âmbito conceitual, procedimental ou atitudinal. “Ter consciência desses aspectos do desenvolvimento da criança possibilita que a escola defina transversalmente ações no currículo – desde as escolhas dos conteúdos acadêmicos até a forma como serão trabalhados”, acrescenta.

Crianças se cumprimentando no corredor da escola
A escola é um ambiente rico para desenvolvimento (Foto: Reprodução/ Pexels)

Influência social

Roberta Bento, colunista da Pais&Filhos, fundadora do SOS Educação e mãe de Tais, reforça que “a escola é um direito de todas as crianças e adolescentes e o Brasil tem que garantir isso para todos os alunos”. Roberta comenta ainda que “a escola é a rede de apoio mais confiável da família. É no ambiente escolar que as crianças fazem descobertas sobre si mesmas e ganham oportunidades inigualáveis no desenvolvimento de habilidades que serão essenciais para a vida”.

A partir das próprias experiências, a fundadora do SOS Educação diz que o ambiente escolar também reflete em muitos aprendizados e na pessoa que ela é hoje. “No meu caso, a escola faz parte da pessoa que sou, da profissional que me tornei, da maternidade que exerço. Ao me aceitar, mesmo quando não existia nenhuma legislação que garantisse a inclusão de alunos com deficiência, a escola me ajudou a acreditar na minha capacidade de superação. Em parceria com minha família, a escola é responsável pelo ser humano em que me tornei!”.


Leia também

Foto: Reprodução/Instagram

Família

Paula Fernandes revela estar com doença: "Tenho apenas alguns dias de vida"

(Foto: Silvio Avila/AFP)

Família

Doações para o Rio Grande do Sul: veja onde e como doar às vítimas de forma segura

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

O momento da escolha do nome é superespecial e deve ser vivido com muito carinho pela família - Getty Images

Bebês

210 nomes masculinos para bebês: ideias fortes (e lindas!) para você chamar o seu filho

Ter um diálogo com os filhos fortalece a relação entre o adulto e a criança - Getty Images

Família

37 perguntas divertidas para iniciar uma conversa com seu filho

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Nomes bíblicos femininos - (Foto: Unsplash)

Bebês

Nomes bíblicos femininos: veja a lista com opções lindas e fortes para meninas

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer