Família

Esperando o Natal – Dia 19 – Fazer cartões de Natal em casa

Na contagem regressiva para o Natal, todo dia você pode fazer algo novo e divertido com as crianças. Hoje é dia de fazer cartões em casa para amigos e

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Acredita-se que a tradição de enviar cartões de Natal começou há, aproximadamente, 150 anos na Grã-Bretanha com Henry Cole, que escreveu e publicou livros em coleções de arte e arquitetura. Conta-se que ele estava muito ocupado e quis arrumar uma maneira de escrever as mensagens para seus amigos e familiares. Então, teve a ideia de pedir a um pintor que projetasse um cartão com a mesma mensagem que seria enviada a todos da sua lista.
Outra versão da história diz que os cartões de Natal surgiram nos Estados Unidos em meados do século 19. Em 1875, Louis Prang imprimiu imagens em cores com uma série de chapas de zinco litográficas. O processo permitiu até 32 cores ser impressas em um quadro único, com o produto concluído semelhante a uma pintura a óleo. 
Esses cartões estiveram em tão alta demanda que Prang não conseguiu atender a todos os seus pedidos. A demanda aumentava a cada ano que se seguia, e naquela altura Prang imprimia cinco milhões de cartões por ano. Acabou ganhando o apelido de Pai do Cartão de Natal Americano.
Os primeiros cartões de Natal eram caracterizados por flores e pássaros, depois cenas de neve, pinheiros e lareiras.

Enviar um cartão de Natal é uma ótima maneira de demonstrar carinho para a família e para os amigos. Aqui, algumas ideias para te inspirar!

1 –  Cartões magnéticos

Anúncio

FECHAR


Aqui está uma ideia de cartão e novo display para a geladeira da família: transforme o desenho de seu filho em ímãs. Dá um trabalhinho, mas vale a pena!

Você vai precisar de:

  • Estilete, tesoura ou guilhotina de mesa
  • Papel glossy de 180 gramas ou mais
  • Manta magnética adesivada (você pode encontrar este material no Mercado Livre ou em lojas especializadas em serigrafia/silk screen e comunicação visual; este material é vendido por metro linear e tem largura de 64 cm)
  • Impressora jato de tinta
  • Adesivo transparente tipo Contact (opcional)

Peça para a criança desenhar símbolos natalinos: pode ser árvore, Papai Noel etc. Depois, escaneie os desenhos. No computador, você poderá usar qualquer programa (Photoshop, CorelDRAW, Illustrator etc. Até mesmo o Word ou o PowerPoint podem servir – use o que preferir). 

No computador, acrescente uma borda fina na cor cinza ou marcas de corte em volta da figura do ímã para que você saiba onde cortar! Acrescente uma frase, se quiser. Numa folha A4 você pode imprimir 24 ímãs no tamanho 4,5 x 5 cm (tamanho padrão para ímãs de geladeira).

Depois de imprimir as imagens em papel fotográfico, pegue o rolo de manta magnética e abra sobre a mesa. Retire o papel protetor para expor o lado adesivado. A manta magnética possui 64 cm de largura, portanto você pode encaixar três folhas em pé lado a lado.

Depois de adesivar todas as folhas, separe-as usando o estilete ou a tesoura (mas não corte os ímãs ainda).

Se você quiser acrescentar brilho e proteção aos seus ímãs, aplique o adesivo transparente (tipo Contact) sobre as folhas separadas. Por fim, basta cortar os seus ímãs individualmente, usando o estilete, a tesoura ou a guilhotina. Você deve cortá-los um a um, especialmente se estiver usando o estilete.

Foto: Reprodução Martha Stewart http://www.marthastewart.com/

2- Cartões de Natal de Botão


Uma ideia bem simples – e que fica lindo! – é fazer cartões de Natal usando botões. É só cortar cartolina, dobrar ao meio e soltar a imaginação para fazer desenhos de botão. Para fixá-los, use cola quente. Lindo, não?

Foto: Reprodução Martha Stewart http://www.marthastewart.com/

3- Cartão de guardanapo de pano


Essa ideia é fofa e fácil de fazer. Só vamos precisar de guardanapos de pano e canetinhas. É só pedir pras crianças desenharem motivos natalinos para dar de presente. E, se já souberem, podem escrever mensagens ou o próprio nome. Depois, é só amarrar com uma fita, pra dar uma graça, e colocar no envelope dobradinho.

Foto: Reprodução Martha Stewart http://www.marthastewart.com/

4 – Cartão Letra


Este é bem fácil! Em um papel (vale qualquer tipo, mas, de preferência, que seja mais firme), peça para a criança desenhar a letra inicial do nome daquela pessoa para quem vai o presente. Depois, peça para ele desenhar na letra, escrever um recadinho… Qualquer coisa! Depois é só cortar, fazer um furo e prender ao presente com uma fita.

Foto: Reprodução Martha Stewart http://www.marthastewart.com/

 5- Cartão foto


Imprima em papel  A4 alguma foto de seu filho ou de sua família em preto e branco. Cole em uma cartolina já dobrada ao meio (do tamanho de sua preferência). Depois, use cola, glitter – ou invente com colagens de revistas – para colorir algum detalhe da foto. E então é só escrever uma linda mensagem junto dos filhos e pronto! Arrasaram!

Foto: Reprodução Martha Stewart http://www.marthastewart.com/

6- Cartão Árvore de Natal


Utilize cartolina (ou outro papel firme) branca para fazer a base do cartão. Depois, peça para as crianças cortarem tiras de papel verde em tamanhos diferentes e proporcionais. Cole as tiras na cartolina fazendo uma árvore. Para completar, você pode pedir para que completem o desenho com canetinha mesmo – fazer os galhos, bolas de natal, presentinhos… Usem a imaginação!

Foto: Reprodução Martha Stewart http://www.marthastewart.com/