Família

Áudios da mãe de Henry Borel sobre pai da criança vazam: “Tinha que morrer”

O garoto morreu em 2021 e o caso irá a júri popular - Reprodução/ Rede Globo TV
Reprodução/ Rede Globo TV

Publicado em 07/07/2023, às 08h36 por Sophia Dolores, filha de Lucineia e Nilo Júnior


A professora Monique Medeiros, ré pela morte do próprio filho, o menino Henry Borel, de 4 anos, afirma em um áudio enviado a sua amiga que o pai da criança, Leniel Borel, só quer vingança e que deveria morrer, tendo um câncer ou enfartando.

Os áudios da acusada foram enviados pelo próprio Leniel à reportagem da UOL. Monique diz: “Ele é pior que o MP porque ele só quer vingança. Esse homem, minha filha, é ódio puro no coração dele. Tinha que morrer, infartar, ter um câncer”, diz Monique na mensagem. A sigla “MP” que ela faz menção no áudio se refere ao Ministério Público do Rio, que denunciou Monique e o ex-namorado, o ex-vereador Jairinho, pela morte da criança, em março de 2021.

Em outro trecho divulgado no áudio, ela diz não conseguir imaginar o que faria caso encontrasse com Leniel na rua. “Amiga, que homem desgraçado, cara. Olha, meu Deus […] Se eu encontro ele na rua, não sei o que eu faço não. Juro, não gosto nem de pensar”.

O garoto morreu em 2021 e o caso irá a júri popular (Foto: Reprodução/ Rede Globo TV)

Mãe de Henry Borel volta a ser presa

Monique Medeiros, mãe do menino Henry Borel e ré no processo que apura a morte da criança, sofreu duas derrotas importantes na Justiça nas últimas semanas. Ela passou a responder por mais crimes no júri do caso e teve a prisão preventiva estabelecida pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta-feira, 6 de julho.

Monique e Henry Borel
Monique e Henry Borel (Foto: Reprodução / Instagram / R7)

Monique foi presa às 6h da manhã. Na chegada à 16ª DP, a professora foi hostilizada por um grupo de pessoas que passavam em frente à unidade policial. Após as formalidades na delegacia, ela será encaminhada para o Instituto Médico-Legal (IML).

O ministro analisou um recurso dos advogados do pai da criança, Leniel Borel, que atua como assistente de acusação no caso. O recurso foi em relação a uma decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que revogou a prisão preventiva de Monique em agosto de 2022.

O outdoor de Henry que Linel colocou nas ruas
O outdoor de Henry que Linel colocou nas ruas (Foto: Reprodução / Instagram)

“O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro teve o cuidado de apontar, nos autos, elementos concretos que apontam para a gravidade, em tese, das circunstâncias e da forma de cometimento do delito”, afirmou Gilmar na decisão. Em nota, Leniel Borel disse que a prisão de Monique é “imprescindível”, já que ela foi “pronunciada pelos crimes de homicídio, tortura e coação no curso do processo”.


Leia também

Nahim pediu para ter caixão no chão para se despedir dos cachorros - (Foto: Reprodução/ Instagram)

Família

Nahim tem despedida emocionante com caixão no chão para que os cachorros se despeçam do cantor

Nahim e a filha não se falavam desde 2019 - (Foto: Reprodução/ Instagram)

Família

Entenda o motivo da filha de Nahim ter sido proibida de ir ao velório do pai

Ex-esposa do cantor falou qual a real causa da morte de Nahim - (Foto: Reprodução/ Instagram)

Família

Ex-esposa de Nahim fala qual foi a verdadeira causa da morte do cantor

(Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Ana Hickmann e Edu Guedes comemoram 1ª noite em casa nova com jantar romântico

(Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Karina Bacchi devolve casa alugada em meio a mudança com o filho para fora do Brasil

Foto: Reprodução/Instagram

Família

Paula Fernandes revela estar com doença: "Tenho apenas alguns dias de vida"

Ana Hickmann e Edu Guedes - Reprodução: Instagram

Família

'Cinco quartos, garagem e escritório': Edu Guedes dá detalhes de mansão com Ana Hickmann

Foto: Reprodução/Instagram

Família

Ex-mulher de Nahim proíbe a presença de filha do cantor no velório: "Não vai se despedir"