Família

Ana Carolina, mãe de Isabella Nardoni, conta que levou filho ao cemitério onde irmã está: “Me pediu”

Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni, levou os filhos ao cemitério - Pais&Filhos/Reprodução/Polícia Civil
Pais&Filhos/Reprodução/Polícia Civil

Publicado em 04/09/2023, às 17h58 por Marina Teodoro, Editora de digital | Filha de Ana Paula e Gilberto


Ana Carolina Oliveira, a mãe de Isabella Nardoni, concedeu uma entrevista exclusiva para a Pais&Filhos nesta segunda-feira, 4 de setembro. No bate-papo emocionante, ela abriu o coração e contou detalhes de como fala sobre a perda da filha com os outros dois filhos: Miguel, de 7 anos, e Maria Fernanda, de 3.

“Não sei dizer quando ele descobriu que ele tinha uma irmã. Mas ele sempre soube que tinha uma irmã”, disse ela quando questionada sobre como foi contar para Miguel sobre a filha mais velha.

Carol, como gosta de ser chamada, conta que na casa da mãe, avó dos filhos, existe uma parede com 135 fotos com Isabella, e Miguel às vezes se achava tão parecido com a irmã que apontava e dizia que era ele. 

Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni, e a filha
O caso Isabella Nardoni aconteceu em 2008 (Foto: Reprodução/Instagram)

“Com o tempo, quando ele foi crescendo, a gente falava que ela [Isabella] era uma estrelinha, que ela foi pro céu, então quando a gente viaja ou quando ele vê uma estrela que está brilhando mais, ele fala ‘ela está viajando com a gente’. Meu filho é extremamente sensível”.

Ela também comentou que recentemente teve uma conversa com o filho, já que com a  estreia do documentário, o assunto poderia chegar até ele. Depois da conversa, ele pediu para que a mãe o levasse para ver o túmulo da irmã. “Esse fim de semana meu filho me falou que queria ir no cemitério. Ele me pediu pra ir. Ele disse que queria conhecer o cemitério porque queria saber onde a irmã dele estava”.

Após Isabella Nardoni, Carol foi mãe novamente, com a chegada de Miguel, e depois Maria Fernanda (Foto: Reprodução/O Tempo)

Carol também questionou a filha mais nova se ela sabia que tinha uma irmã. Maria Fernanda não só respondeu que sim, como também questionou ‘como eles iriam visitar a irmã, se ela estava no céu, e a gente não sabe voar’.

Visita ao cemitério

Os quatro foram ao cemitério onde Isabella está enterrada e cada um deixou uma flor no túmulo. “Ele [Miguel] não teve muita reação, estava curioso, e a gente foi procurando até chegar e ver o nome dela. Aí ele abaixou, colocou a florzinha…”.

Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni
Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni (Foto: Reprodução)

A ideia de Carol e o marido era transformar aquela experiência em algo que não fosse traumático para as crianças. “O cemitério que ela está é muito lindo. E ele [Miguel] tinha essa ideia de túmulos, com lápides, então ele ficou surpreso com a beleza… acho que foi um momento importante”.

A mãe ainda afirmou que não teve tempo para uma conversa com o filho sobre o momento. “Estou esperando ele maturar para perguntar”. Apesar disso, ela assegurou que não pretende que essa seja uma rotina a partir de agora.

Veja a entrevista completa em nosso canal do YouTube:

Relembre o caso Isabella Nardoni

A noite do dia 29 de março de 2008 chocou o Brasil com um caso que jamais será esquecido. Isabella Nardoni tinha cinco anos quando foi jogada pela janela do apartamento do prédio onde o pai e a madrasta, Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, moravam na Zona Norte de São Paulo. 

A investigação da polícia mostrou que não foi uma queda acidental, mas sim um homicídio.  De acordo com o Ministério Público, Alexandre e Anna Carolina agrediram Isabella a ponto de acharem que ela estava morta e, por isso, decidiram se livrar da criança cortando a tela de proteção e a lançando do sexto andar do apartamento. A menina ainda respirava quando foi socorrida, mas não resistiu e morreu.

Madrasta de Isabella Nardoni, Anna Carolina Jatobá
Anna Carolina está fora da prisão, e cumpre pene no regime aberto (Foto: Reprodução/vídeo YouTube)

O casal sempre negou as acusações, mas foi condenado na Justiça pelo crime em 2010. Alexandre recebeu pena de 30 anos, 2 meses e 20 dias de prisão em Tremembé, interior do estado. Anna recebeu 26 anos e 8 meses, mas há pouco mais de dois meses cumpre pena no regime aberto.


Leia também

Imagem Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Bebês

Nomes femininos raros: veja opções chiques e únicas para meninas

Pai de Davi - (Foto: Reprodução/Instagram)

Família

Pai de Davi não concorda com posição do filho e decide ir morar com Mani

Imagem Pai de Henry Borel comemora nascimento de filha três anos após tragédia

Família

Pai de Henry Borel comemora nascimento de filha três anos após tragédia

Se você procura um nome de menina, aqui estão 180 ideias diferentes - Pexels/Moose Photos

Bebês

180 nomes femininos diferentes: ideias de A a Z para você chamar a sua filha

Copo Stanley - Divulgação

Super desconto

App Day Amazon: os famosos copos térmicos da Stanley com até 55% de desconto

De A a Z: confira os nomes femininos americanos para te inspirar - Getty Images

Bebês

Nomes americanos femininos: mais de 1000 opções diferentes para você se inspirar

Isabella Fiorentino explica o motivo de não mostrar o rosto do filhos - Reprodução/ Instagram

Família

Isabella Fiorentino explica o motivo de não mostrar o rosto dos filhos em fotos nas redes sociais

Os nomes japoneses femininos são lindos, fortes e possuem significados encantadores - Getty Images

Bebês

Nomes japoneses femininos: 304 opções lindas para você conhecer