Família

10 coisas que os avós não deveriam fazer

Amamos muito eles, mas às vezes o relacionamento se torna complicado

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

shutterstock_111039476

(Foto: Shutterstock)

Avós são uma das figuras mais importantes na vida das crianças, mas às vezes (ou em boa parte delas) eles chegam a ser inconvenientes. Aqui estão 15 coisas que os avós deveriam se policiar para não fazer. As informações são do site Popsugar.

1. Ignorar as regras das redes sociais

Enquanto alguns avós não ligam, outros já estão completamente adeptos à Instagram e Facebook. Só que eles esquecem de respeitar algumas regras simples como não postar mil fotos de uma vez só e nunca publicar imagens inapropriadas das crianças.

Anúncio

FECHAR

2. Comprar brinquedos caros sem antes consultar os pais

Não importa que tipo de brinquedo é, os avós nunca deveriam gastar muito com as crianças antes de falar com os pais.

3. Fazer diferença entre os netos 

A maioria dos avós não percebem que estão fazendo isso, mas demonstrar que um é mais próximo ou mais querido que o outro pode causar problemas emocionais nos netos.

4. Fazer a mãe se sentir culpada pela forma como alimenta a criança

Nem sempre a mãe pode escolher amamentar, comentários sobre como isso não são bons para a autoestima.

5. Fazer todo mundo se sentir culpado

“Olha, só tenho mais alguns anos de vida, mas se você quer tanto passar o natal no Havaí, tudo bem…” Sério?

6. Falar mal de outros membros da família 

Não importa o quão frustrados eles estão com os filhos, nunca deveriam expressar isso na frente das crianças.

7. Esperar que os filhos eduquem do mesmo jeito que eles fizeram

“Porque no meu tempo…” Os tempos mudam, os pais também e os avós deveriam acompanhar isso.

8. Cortar o cabelo das crianças de surpresa

Cortes de cabelo são sempre muito difíceis para as crianças e normalmente discutidos bastante pelos pais antes. Os avós não devem surpreender os pais com um corte de cabelo novo sem o consentimento dos responsáveis.

9. Tentar conseguir informação com as crianças sobre os pais

Isso não é certo, o neto não deve ser mediador de informações durante brigas, festas surpresas ou divórcios. Isso coloca uma pressão desnecessária sobre a criança o que não é nada saudável.

10. Questionar o pai ou a mãe na frente das crianças

Mesmo que os avós discordem das escolhas dos filhos, discutir sobre isso na frente das crianças não é o melhor jeito de lidar com a situação. As crianças vão aprender e querer reproduzir esse tipo de comportamento quando discordarem dos pais.

Leia também:

Senadora amamenta filha durante sessão no Parlamento

16 invenções que vão trazer uma imensa alegria aos pais

Vacinação: saiba quais as imunizações essenciais nas diferentes fases da vida

Pais&Filhos TV