Especiais

Ixi, o leite não caiu bem… Será que é intolerância?

Aprenda a identificar os sinais da complicação nas crianças

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

materia-3-ninho

Foto: Shutterstock

Nós mães sempre achamos que o leite que damos ao nosso filho vai fazer um bem danado, mas, às vezes, não é bem assim. As crianças podem ser intolerantes à lactose, ou seja, podem apresentar uma dificuldade para digerir a lactose, o açúcar do leite, devido à diminuição ou à ausência de lactase, enzima que a digere a lactose.

Esta digestão complicada pode causar dor e inchaço na barriga, diarreias e até vômitos, de acordo com o pediatra Nelson Douglas Ejzenbaum, pai de Ariel, Patrick e Alicia. O médico da Sociedade Brasileira de Pediatria alerta que “quando a criança estiver passando por incômodos deste tipo, precisa ir ao pediatra para fazer testes para confirmar ou não a intolerância”.

Outro teste possível de se realizar para descobrir a intolerância à lactose é um respiratório. Feitos apenas em crianças maiores, o procedimento consiste em analisar o ar, que a criança assopra dentro de um aparelho após ingerir lactose. Este ar é analisado a cada 30 minutos por três horas. Antes do teste, recomenda-se não comer alimentos que causam gases, como feijão, repolho e cebola, não beber refrigerante e bebidas adoçadas com adoçante e também evitar frutas.

Anúncio

FECHAR

Mesmo com a privação da lactose, é essencial que garantir que a criança continue tendo fontes de cálcio na alimentação, nutriente que constitui ossos e dentes, por exemplo. Nesse caso, a melhor indicação é trocar leite e derivados tradicionais por versões que não contêm lactose, sempre com a orientação do médico e nutricionista. Suplementação de cálcio, só com indicação precisa do pediatra.

Pais&Filhos TV