Criança

Como é bom ser bilíngue!

Bilinguismo é mais que dominar uma segunda língua: significa aprender a pensar em dois idiomas.

Publieditorial

Publieditorial

Publi Maplebear

Que dominar uma segunda língua vai ser fundamental para o futuro profissional dos nossos filhos, ninguém discute mais. Mas o ensino bilíngue vai muito além de falar com desenvoltura um segundo idioma: significa aprender a pensar em duas línguas.

Em 1922, o filósofo Ludwig Wittgenstein escreveu: “Os limites da minha linguagem são os limites do meu mundo”. Ou seja: quanto mais palavras conhecemos, melhor a nossa percepção da realidade. Ao aprender outro idioma, ampliamos nossos horizontes. Muitos pesquisadores contemporâneos concordam com essa visão. Pesquisas recentes apontam algumas vantagens das mentes bilíngues, como apresentar melhor capacidade para organização de tarefas (pesquisa realizada na Universidade de York, Canadá), ter suas funções mentais estimuladas (pesquisa realizada na Universidade Penn State, EUA), o que pode contribuir para o retardamento de doenças neurológicas como Alzheimer.

Anúncio

FECHAR

Imersas na metodologia canadense de ensino bilíngue, reconhecida como uma das melhores do mundo, os alunos Maple Bear são incentivados a experimentar, descobrir, solucionar problemas e pensar de forma crítica, criativa e inovadora. O resultado são indivíduos com iniciativa e autonomia, preparados para serem bem-sucedidos nos estudos, na profissão que escolherem, e na vida como um todo.

O Canadá respeita e desfruta da pluralidade cultural. Além de valorizar a diversidade, insere elementos de diferentes culturas no processo educacional, enriquecendo o currículo e preparando alunos para atuarem como cidadãos do mundo. As crianças desenvolvem a competência em inglês, em um processo de aprendizagem contínua, em um ambiente escolar descontraído. São desenvolvidas habilidades de compreensão, comunicação e escrita de forma natural.

“A vontade que nossos filhos pudessem estudar em uma escola bilíngue, era um desejo antigo. A Maple Bear abriu esta possibilidade, de uma educação bilíngue, baseada em conceitos e valores de outra cultura, reconhecida e respeitada no mundo, que é a canadense. Vemos hoje na nossa Juliana, uma criança totalmente adaptada e à vontade com uma segunda língua”, diz Luciana Lago, mãe de Juliana Lago.

Metodologia Canadense

As Escolas Maple Bear oferecem programas completos e inovadores, elaborados por experientes educadores canadenses a partir das práticas que fazem do ensino canadense um dos melhores do mundo. Princípios da metodologia canadense:

  • Foco no ensino ministrado em sala, com rigorosa preparação do corpo docente, avaliações frequentes e certificações de qualidade conduzidas por especialistas canadenses.
  • Educação holística: o aprendizado da criança ocorre como um todo – físico, intelectual, emocional e socialmente.
  • Incentivo à experimentação, ao desafio intelectual, à descoberta e à solução de problemas.
  • O ensino é integrado, com matérias que se completam em unidades temáticas.
  • As características e o tempo individual das crianças são respeitados. São dadas às crianças oportunidades para explorar o seu mundo de forma prática e em seu próprio ritmo.
  • Incentivo à criatividade e à autoexpressão.
  • Salas de aula amplas, estimulantes, acolhedoras e equipadas com Centros de Aprendizado, materiais manipulativos e livros.
  • A comunicação é prioridade.
  • O foco na conquista, a cada estágio, de habilidades de letramento e matemática referentes à idade do aluno.

Para saber mais sobre Maple Bear, visite: www.maplebear.com.br