Criança

7 coisas que não podem ser ditas aos pais de crianças gordinhas

Alguns comentários não são agradáveis em uma conversa. Saiba quais são eles!

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Shutterstock)

A gente sempre tem a melhor das intenções. Mas alguns comentários direcionados a mães e pais de crianças um pouco maiores em tamanho do que a média não são agradáveis de se ouvir. Isso porque, para os pais da criança, ela é linda do jeitinho que ela é. A revista norte-americana “Parents” fez uma lista com esses comentários que devem ser evitados.

1. Meu Deus! Ele é quase do tamanho do irmão mais velho!

Se a criança maior em tamanho for o irmão caçula, esse comentário pode ser descartado na conversa, especialmente se for dito na frente dos outros irmãos. Pode até ser verdade, mas, para o irmão mais velho, essa frase pode ser devastadora.

Anúncio

FECHAR

É fácil entender o motivo: quando se assume o papel de irmão mais velho, já se pode considerar maior e mais responsável. E, fala sério: o que um filho mais velho menos quer ouvir é que o irmão mais novo está alcançando ele.

2. Nossa, mas ele é tão fora da média!

Não existem dados que se encaixem perfeitamente à realidade de todas as crianças. Os bebês são pequenos, grandes, na média ou fora de qualquer padrão. A verdade é que cada um é único e não pode haver comparações.

3. Suas costas não estão doendo?

Sejamos sinceros: a única razão pela qual os pais não gostam de ouvir isso é porque eles não querem ser lembrados de todo o esforço envolvido ao carregar os filhos não tão pequenos.

4. Você e o pai/mãe eram gordos também?

Isso pode soar como julgamento. Esse comentário expõe que, mentalmente, você está avaliando a família. Não parece nada divertido ou agradável, não é?

5. Ele vai emagrecer com o tempo.

Esteja ciente: enquanto muitas pessoas vêem algo de errado com um bebê mais fortinho, os pais dos bebês babam diante da fofura do filho. Provavelmente, eles não querem que esse charme desapareça conforme o bebê cresça.

6. O que ele come no café-da- manhã?

Essa pergunta é feita com o intuito de ser engraçada, mas, obviamente, ela esconde uma verdade por trás. Por isso, os pais acabam se sentindo desconfortáveis, podendo sentir culpa ou passarem a imaginar que estão alimentando o bebê de forma errada.

7. Ele provavelmente será um jogador de futebol americano

Para os fanáticos por futebol, o comentário pode servir como elogio. Mas para mães e pais que se preocupam com a possibilidade do filho sair machucado ao trombar com outros jogadores, não é exatamente algo bom de se ouvir.

Leia também:

10 coisas que você jamais deveria dizer ao seu filho

Obesidade também é desnutrição

10 coisas que não devemos dizer às crianças