Pais

Exercícios para glúteos e coxas para fazer com o bebê

Que tal se mexer junto com seu pequeno? A revista Parents montou essa série de exercícios para fazer enquanto você segura o bebê

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

 

“Pernas fortes são essenciais para tudo que você faz: por exemplo, para agachar para pegar seu pequeno”, diz Kristin McGee, personal trainer, de Nova York  (EUA). Para que as mães voltem a forma –  com disposição e força para a nova rotina – a personal montou essa série para ser feita com no máximo uma repetição, três vezes por semana.

 

Anúncio

FECHAR

 

Série de balé
A) Fique em pé, segurando seu bebê de costas para você. Junte os calcanhares e aponte os dedos dos pés para fora. Dobre os joelhos lentamente e desça o quadril em linha reta, em plié.

B) Contraia o bumbum e a parte interna das coxas, levante-se, e faça um  “relevé” ficando na meia ponta dos pés. Repita o movimento entre 15 e 20 vezes.

De cócoras com o bebê
A) Segurando o bebê contra o seu peito, de costas para você, posicione os seus pés distantes um do outro.

B) Dobre os joelhos lentamente e empurre seu quadril para baixo e para trás, como se você fosse sentar em uma cadeira. Mantenha a posição. Contraia os músculos do seu bumbum. Apoie-se nos seus calcanhares e volte à posição inicial. Repita de 15 a 20 vezes.

Arremetida
A) Fique em pé com os pés alinhados aos quadris, segurando o bebê de costas para você.  Dê um passo para frente com o pé direito e agache, dobrando ambos os joelhos a aproximadamente 90º.  O joelho de trás deve ficar entre 15 e 20 cm de distância do chão. Apoie-se no seu pé direito e volte à posição inicial.

B) Dê um passo grande para trás e faça a arremetida ao contrário. Repita dez vezes e faça o mesmo com a perna esquerda.

 

Ponte
A) Deite-se de costas com os joelhos dobrados e os pés no chão. Coloque o bebê sobre a sua barriga, perto dos quadris, segurando-o com as duas mãos.

B) Levante o quadril do chão, o mais alto que você puder. Mantenha a posição, contraindo os glúteos. Volte à posição inicial, retornando uma vértebra por vez ao chão. Repita entre 15 e 20 vezes