Mais

Palavra do mês: Calor

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Do latim calor, a palavra deu origem a caldus, quente, daquele caldo de galinha que nós, pais e mães, fazemos quando o filho está doente. Quente tem raiz semelhante, calens, do verbo calere, ter calor. O verbo “esquentar”, por sua vez, originou-se de excalentare, de ex-, “para fora”, mais calentare. Semelhante a acalentar, de mesma fonte, segundo o Houaiss, aquecer-se nos braços, aconchegando-se ao peito e cantando em surdina; embalar-se, adormecer ou fazer adormecer ao som de cantilenas ou cantigas de ninar. Como Caymmi fazia a filha Nana dormir ao som do seu "Acalanto": “Lá no céu deixam de cantar/Os anjinhos foram se deitar/Mamãezinha precisa descansar/Dorme, anjo/Papai vai te ninar…” No calor do verão, nada mais brasileiro que um acalanto baiano pra aquecer o coração.

Pais&Filhos TV