Gravidez

4 dicas para ter um bebê em 2015

Conheça alguns hábitos que precisam ser adotados e abandonados por quem deseja aumentar a família

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Não são todos os casais que conseguem engravidar com facilidade. De acordo com dados divulgados pelo Fertility Medical Group, 10% das pessoas em idade reprodutiva enfrentam a questão da infertilidade. As causas do problema são muitas e o acompanhamento médico é essencial. Mas se você tem planos de aumentar a família em 2015 existem algumas medidas que podem ajudar. O especialista em Reprodução Humana Assumpto Iaconelli Junior dá algumas dicas que o casal pode colocar em prática.  

1.Procurem se unir ainda mais.

Por mais que familiares e amigos comecem a especular qual dos dois pode ser infértil, não deixem que isso interfira no bem-estar do casal. Ao contrário, comportem-se como se formassem um time empenhado em ganhar o jogo! É importante o pai participar de tudo junto com a mãe.

Anúncio

FECHAR

2. Cuidem da alimentação e controlem o peso.

Mais de 10% dos casos de infertilidade são atribuídos ao excesso ou à falta de peso. A obesidade (e até mesmo o sobrepeso) pode ter impacto negativo nos ovários, onde os óvulos são produzidos, como no endométrio, onde são depositados os óvulos fertilizados. Além disso, o excesso de peso favorece o surgimento de diabetes gestacional e hipertensão. Com relação aos homens, vários estudos comprovam que aqueles que estão acima do peso têm espermas de pior qualidade – problema que se agrava quando a pessoa tem mais de 40 anos. Também vale a pena abolir toda gordura trans da alimentação e evitar alimentos ricos em colesterol, amido e açúcar. Cafeína em excesso também deve ser evitada, já que aumenta o risco de abortamento.

3. Combatam juntos o sedentarismo.

Elejam um esporte que possam praticar juntos, de forma prazerosa. Combater o sedentarismo é uma das grandes decisões de quem não pratica exercício algum, já que se sentirá muito melhor em termos emocionais e físicos. Claro que cada um dos parceiros deve manter seus interesses individuais, mas caminhar juntos no parque, por exemplo, pode ser uma boa atividade para que um motive o outro a levantar cedo e se mexer. Só devem tomar cuidado para não exagerar.

4. Interrompam o uso de álcool, cigarro e outras drogas.

A dica é adotar tolerância zero com relação ao consumo de álcool – e, consequentemente, de cigarros e drogas. Todos esses vícios diminuem consideravelmente as chances de gerar um bebê – além de prejudicar a saúde como um todo, obviamente.

Pais&Filhos TV