Família

Esperando o Natal – Dia 4: escrever a cartinha para o Papai Noel

O Calendário do Advento é uma contagem regressiva para o Natal. A cada dia, se faz uma atividade nova com as crianças

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Hoje é dia das crianças escreverem uma cartinha ao bom velhinho dizendo o que querem ganhar de presente de Natal. E quem disse que só as crianças podem fazer isso? Não há mal nenhum em você também entrar na brincadeira e colocar num papel o que gostaria de ganhar neste fim de ano, afinal, o Natal é a época da renovação do espírito.

Não importa se o velhinho de barba branca que viaja de trenó por aí não vai realmente aparecer na sua casa para levar um presente para o seu filho. O grande trunfo da figura do Papai Noel é estimular a imaginação das crianças. Ficar fantasiando sobre como ele fabrica e entrega todos os brinquedos, como consegue passar por todas as casas em apenas uma noite, como faz para entrar nas casas sem ser visto… É tudo mágico! Afinal, se a gente tiver o pensamento muito concreto o tempo todo, terá sempre as mesmas respostas e atitudes para as coisas da vida.

Você pode ser o Papai Noel de alguém 

Anúncio

FECHAR

A campanha Papai Noel dos Correios existe há mais de 20 anos e tem o objetivo de presentear as crianças de escolas, abrigos, núcleos socioeducativos e creches que enviam cartinhas pedindo presentes. As cartinhas são adotadas pelos “padrinhos”, que podem ser tanto as pessoas, quanto empresas ou entidades interessadas em presentear as crianças com seu pedido de natal.

Como participar:

1- Conheça as datas, os pontos de adoção de cartas em sua localidade e os horários aqui;

2- Escolha as cartas que irá adotar;

3- No ato da retirada da carta, deverão ser informados: nome e telefone de contato;

4- Entregue os presentes no local e na data definidos pelos Correios na sua localidade;

5- Os presentes deverão corresponder aos pedidos formulados nas cartas;

6- Não há limite de cartas por padrinho, mas lembre-se: você é responsável pelas cartas que pegar para adotar. Uma desistência impede que a carta seja adotada por outro padrinho.

Informações úteis:

Ao enviar mais de um brinquedo para a mesma criança, poderá ser feito um único pacote, utilizando caixa ou papel pardo (reforçado);

– Caso o brinquedo seja frágil, utilize caixa e escreva “Frágil” no pacote;

– Bicicletas devem ser entregues, preferencialmente, em caixas;

– Escreva o número de identificação da carta na embalagem do presente. Os presentes deverão ser numerados com a mesma numeração da carta, pois é este número que identificará o endereço da cartinha adotada.

Caso os presentes não possam ser entregues às crianças (em razão de endereço insuficiente, incorreto ou mudança de destinatário, entre outros motivos), serão doados pelos Correios a instituições sem fins lucrativos.

Saiba mais no site dos Correios

Queremos ver as cartinhas!

Tire uma foto da cartinha do seu filho e mande pra gente pelo email historiadecrianca@paisefilhos.com.br. No assunto da mensagem, coloque “Carta para o Papai Noel”. Não esqueça de informar o nome e a idade da criança!

Olha só a cartinha que a nossa repórter Tássia Tieko, filha de Hélio e Nair, escreveu quando tinha 7 anos: