Gravidez

Proteção para você e seu bebê contra o zika vírus

Esse produto que pode ajudar na luta contra a dengue e micocefalia

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

repelente

(Foto: Shutterstock)

Com o surto do vírus Zika e os inúmeros casos de microcefalia, as grávidas começaram a ter um cuidado redobrado com os mosquitos. Pensando nisso um novo repelente manipulado da Pharmapele criou uma combinação que protege as gestantes e os bebês. “O uso de repelentes que ofereçam tempo maior de proteção, como os formulados com IR 3535 em alta concentração, é uma importante forma de evitar doenças causadas pelo Aedes Aegypti. O ativo é seguro e pode ser usado por gestantes, bebês a partir de seis meses, crianças e idosos”, explica Luisa Saldanha, diretora técnica da Pharmapele.

É preciso ficar de olho em produtos que são formulados com DEET e Icaridina, porque eles têm um teor tóxico elevado e não podem ser utilizados em crianças menores de 2 anos. O Gel repelente da Pharmapele é completamente seguro e os bebês podem começar a usar a partir dos seis meses. Além de ter eficácia comprovada contra diversos mosquitos, entre eles o Aedes Aegypti, o produto também hidrata e possui durabilidade é de 7 horas.

Leia também:

Anúncio

FECHAR

Um cromossomo a mais não é sinônimo de vida improdutiva

Fazer com as mãos: cabana

UFRJ estuda planta que inibe replicação do zika vírus