Criança

Festinha no apê

Saiba como fazer uma festa diferente, bem simples e charmosa

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Sempre recebo e-mails e participo de rodinhas de conversas de mães com as mesmas lamentações: “Mas coooomo eu vou fazer uma festinha pro meu filho? Eu moro em apartamento, não estou com grana pra pagar um buffet”.Calma, gente, quem disse que não dá pra fazer uma festinha charmosa e descolada no apê? Gastando pouco e usando coisas que você facilmente teria em casa, montei uma sugestão de uma mesa no tema de Monstrinhos! O tema é unissex, mas também dá para substituir por bichinhos, bonecas, ou qualquer outro brinquedo da preferência do seu filho, que é o que vamos usar como elemento decorativo central aqui.

Passo a passo

Anúncio

FECHAR


1. Pra dar o tom da festinha, comecei com a toalha. Comprei no centro de São Paulo o tecido, baratinho e superbacana, e mandei fazer a barra. Da toalha defini as cores, sabe como é, sou designer, e designer gosta muito dessa coisa de paleta de cores! Elas vão definir todos os outros elementos decorativos da festa.

2. Para a peça central da mesa, fiz um suporte de doces de dois andares, que podem servir para colocar os cupcakes. Este não poderia ser mais simples! São dois pratos de plástico coloridos, desses bem baratinhos. E no meio deles, unindo os andares, colei com cola quente uma taça, de plástico também, virada de cabeça para baixo. Em cima, apoiei um brinquedo do meu filho que por acaso tem tudo a ver com o tema. Mas, de novo, você pode usar um Playmobil, uma boneca, o que preferir, o importante é ser uma decoração pessoal, com a cara da criança.Fiz outro suporte desses com um andar só, usando outro monstrinho e um prato menor em cima. Lembre-se: a cola quente fixa superbem, mas pode ser retirada depois sem causar danos no brinquedo.

3. Para dar um toque ainda mais pessoal à mesa, dei papéis coloridos de origami pro meu filho desenhar e depois coloquei em molduras coloridas. Em um deles coloquei uma foto do aniversariante, para ele se sentir ainda mais especial.

4. Depois, distribuí copinhos coloridos pela mesa, canudos e talheres divertidos  –  sempre seguindo a paleta de cores – e pronto! Ficou um charme a festinha monstruosa! Convidamos uns amiguinhos pra virem direto da escola e fizemos uma farra deliciosa! E o melhor de tudo, com a cara e a participação do aniversariante, que ficou orgulhoso da mãe cheia de invenções e arteira.