Bebês

Guia de vacinas: Rotavírus

A doença pode levar de dois a quatro dias para apresentar sintomas

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Vacina: Rotavírus

A vacina indicada na prevenção do Rotavírus é produzida com vírus vivos atenuados e é tomada por via oral. Existem duas marcas de vacina contra o Rotavírus:

Anúncio

FECHAR

– Vacina Monovalente:  de uso mais comum na rede pública de saúde e que é aplicada em duas doses – recomendadas aos 2 e 4 meses de idade.

– Vacina Pentavalente: de uso na rede privada de saúde. É administrada em 3 doses recomendadas aos 2, 4 e 6 meses de idade. (OBS: para esta vacina, a idade limite para receber a primeira dose é de 3 meses de idade e a última dose (3ª) não pode ser administrada após 8 meses de idade).

Podem ser administradas no mesmo dia que outras vacinas – inclusive com a Poliomielite oral. Lembrete: Caso a vacina contra o Rotavírus e a vacina contra Poliomielite oral não sejam realizadas no mesmo dia, deverá haver um intervalo de 15 dias entre as administrações.

Doença: Rotavírus

É uma infecção causada por vírus, seus sintomas (que duram de 3 até 8 dias) são: diarreia, vômito e febre, podendo levar a desidratação. A doença, após a contaminação, leva de 2 a 4 dias para manifestar sintomas.

Transmissor: O ser humano contaminado.

Forma de transmissão: Através de água, alimentos ou objetos contaminados.

Período de transmissão: O indivíduo contaminado começa a eliminar os vírus nas fezes antes do início dos sintomas e essa eliminação persiste por até 21 dias após o início dos sintomas.

Complicações: A complicação mais frequente é a desidratação, podendo, em níveis extremos, levar à morte.

Lembre-se: não se automedique. Sempre procure seu médico. Ele poderá indicar o melhor tratamento para que você recupere sua saúde.