Pais

Fernanda Gentil posta declaração emocionante para o afilhado

Ela cria o afilhado como se fosse seu filho desde que a mãe do menino morreu

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Fernanda Gentil e afilhado 3

A repórter e apresentadora Fernanda Gentil fez uma declaração de amor em sua conta no Instagram na última sexta-feira: seu afilhado, Lucas, acabou de completar 11 anos.

O menino perdeu a mãe, tia de Fernanda, quando tinha apenas 2 anos e ela assumiu esse papel desde então, cuidando do menino e dando a ele tudo o que precisa. “Amor passado de mãe para mãedrinha”, escreveu ela. Leia o depoimento na íntegra:

Anúncio

FECHAR

“Que que eu tenho pra falar de você no seu aniversário? Que você é o meu amor. Foi você que me apresentou o amor mais puro que poderia nascer em mim. Um amor que cuida, que beija, que agarra, que se preocupa.

Que dá bronca por comer de boca aberta, chama atenção pra arrumar o quarto, e que, quando te deixa chateado por ter sido um pouco brava demais, acaba com o meu dia. Um amor que faz o tempo se multiplicar e as forças se reproduzirem.

O único amor capaz de me desconcentrar na Copa, me distrair no Globo Esporte e torcer pro Placar da Rodada acabar logo e eu voltar pra casa – até porque esse amor cansa e dá sono. Mas sempre que você chama “Dinda” ele acorda de novo e o sono já foi.

Esse amor chegou em um certo dia, mas não tem data pra ir embora. Ele me faz querer ver esse seu sorriso de janelinha a qualquer custo, nem que para isso a gente tenha que passear no bosque, mergulhar no laguinho ou descer pra jogar bola.

Um amor que me dá saudade de você em uma única noite que você não durma aqui. Esse amor me dá orgulho, me deixa forte, me faz querer dar certo na vida, me tira da cama cedo pra trabalhar, me livra de qualquer dor, e me emociona demais… me mostra que existem coisas infinitamente maiores do que as pequenas questões pelas quais nós, seres humanos, ainda brigamos.

Esse amor, meu amor, foi passado de mãe para mãedrinha. E depois que o Gabriel chegou, ele agora é em dobro. É um amor tão grande que dá medo; medo de não suportar, de não saber lidar, medo de essa vida ser muito curta pra dar todo esse amor.

Mas essa mesma vida me ensinou que o tempo de amar não acaba nunca, porque todo amor pode ser dado daqui, ou lá de cima – no seu caso, ele é dado daqui E de lá de cima. Aliás, de todos os anjos da guarda, o seu é o mais especial, e o que vai mais te encher de carinho no dia de hoje. Mais tarde tem o nosso famoso bolinho, e tenha certeza de que ela vai estar lá. Feliz aniversário, eu amo você”.

Fernanda Gentil e afilhado 1

Parabéns, Lucas!