Pais

Especial Dia dos Namorados: Se você pudesse ler minha mente…

Você está completamente louca pelo seu bebê e nem tanto por seu marido? Ele pode estar sentindo exatamente a mesma coisa

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

A única coisa pior do que ficar ouvindo inúmeras vezes como sua vida vai mudar depois de ter bebê é quando você percebe o quanto ela de fato mudou. Seu filho é maravilhoso, mas é a razão pela qual o sono virou um sonho distante e a relação com seu parceiro deu uma ligeira esfriada. Não seria mais fácil se vocês pudessem ler a mente um do outro? Enquanto não temos poderes telepáticos, nosso guia pode te ajudar a resolver esses problemas.

O que ele gostaria que ela soubesse

Anúncio

FECHAR

“Eu tenho que trabalhar até tarde para garantir meu emprego e sustentar nosso bebê”

Sim, é bem solitário ficar presa como bebê 24 horas por dia. Você gostaria deter seu marido por perto, mas ele parece cada vez menos disponível. Tente entender o outro lado: ele adoraria estar mais com vocês, mas não pode ficar sem emprego. O instinto provedor do homem tende a ser impulsionado quando ele se torna pai. Quando ele chega em casa, lembre-se deque está exausto também. Conversem sobre o trabalho: será que ele vai mesmo perder o emprego se tiver horários normais? Talvez ele possa chegar em casa mais cedo duas vezes por semana ou reservar um tempo ao longo do dia para conversar com você.

Eu sinto falta de como você era

Não é que ele não esteja interessadoem saber sobra a rotina do bebê, mas sente falta de conversar com você sobre outras coisas. Conforme se adaptar à maternidade (geralmente entre os 4 e 6 meses), você vai voltar a ser uma pessoa informada sobre o mundo lá fora. Até lá, lembre-se de que também seria legal perguntar sobre o dia dele. Dedique 15 minutos por noite para conversar sobre coisas não relacionadas a bebês. Outra dica é fazer planos para jantar fora.

O que ela gostaria que ele soubesse

Eu tenho inveja da sua vida

Tornar-se pai foi um chacoalhão na sua vida mesmo. Mas pense na sua mulher, que raramente conversa com alguém que fale algo além de Gugu-dada. Esse é o motivo pelo qual ela ficou estranha quando você saiu para tomar um chopp – essa decisão teria levado dias se fosse tomada por ela .Pense no quanto as coisas estão diferentes para você: se sempre joga futebol com amigos, tente fazer cortes. “O fato é que a vida da mãe muda mais”, diz Deborah RothLedley, psicóloga e autora de Becoming a calm mom: how to manage stress end enjoy the first year of motherhood (“Tornando-seuma mãe calma: como lidar com o estressee aproveitar o primeiro ano da maternidade”). Ajude-a a continuar fazendo as atividades que gosta.

Bem que eu queria transar, mas no fim do dia quero distância

Ela está exausta e cheia de mudanças hormonais. Seja carinhoso nesse período. Quando a criança tiver 3 meses, sua mulher provavelmente vai começar a querer retomar a vida amorosa. Mas e se ela continuar sem vontade de transar? A melhor coisaque você pode fazer é oferecer uma ajuda como bebê e deixar rolar o resto. “Se você esperaro momento perfeito para retomar as relações, isso pode nunca acontecer”, diz Ledley.