Pais

Boicote a filme ganha força nas redes sociais após vídeo com maus tratos ao cachorro

"Quatro vidas de um cachorro" está previsto para estrear em janeiro

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

sem-titulo

(Foto: captura de tela)

Um vídeo dos bastidores do filme “Quatro vidas de um cachorro” vazou na internet. Nele, um cão da raça pastor alemão, que se chama Hercules, está sendo obrigado a entrar numa piscina com correnteza, mesmo estando nitidamente apavorado.

O treinador força a entrada do cão na piscina, várias vezes. Em um momento, o cão fica completamente submerso e os membros do set gritam para tirá-lo da água.

O diretor do filme, Lasse Hallstrom se defendeu no twitter: “Eu não testemunhei essas ações. Todos nós estávamos empenhados em proporcionar um ambiente amoroso e seguro para todos os animais no filme. Me prometeram que uma investigação completa desta situação está em andamento e que qualquer irregularidade será relatada e punida”.

Anúncio

FECHAR

A PETA (People for the Ethical Treatment of Animals), que defende a causa dos animais, convocou um boicote à estreia do filme. “A Peta está convocando os que amam cães a boicotar o filme para enviar a mensagem de que cães e outros animais devem ser tratados com humanidade e não como adereços de filmes”.

Segundo fontes do “TMZ”, que conseguiu a gravação, o diretor interrompeu a gravação e, na volta, o cachorro gravou a cena normalmente, sem precisar ser novamente jogado na água.

O filme tem a estreia prevista para janeiro e conta a história de um cachorro que morre e encarna várias vezes, buscando sempre reencontrar seu primeiro dono.

O vídeo completo está abaixo, mas contém cenas fortes:

Leia também:

10 filmes para assistir em família

11 motivos para você já amar o filme Zootopia, nova animação da Disney

10 filmes de Natal para você assistir com seu filho já

Pais&Filhos TV