Notícias

Sem culpa e sem fome

Alba Marília, mãe de Davi, queria amamentar exclusivamente até os 6 meses de idade, mas seu leite não foi o suficiente

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

 Alba Marília mãe de Davi participa da campanha Culpa,Não! O tema do mês de Junho é  “Não dou leite comum, dou fórmula”  se você também quiser participar siga a nossa página no Facebook e mande um depoimento sobre o tema do mês para giovanna@revistapaisefilhos.com.br .  

Olá sou Alba Marília e sou mãe do Davi que hoje tem 4 meses, na minha gestação tomei vitaminas, realizei pré-natal fiz tudo certinho para que minha gestação fosse tranqüila, só engordei 11 quilos e o Davi nasceu 1 dia antes de completar as 39 semanas.

Nasceu com 2.740 kg e 48 cm, durante minha gravidez li muito sobre amamentação, sobre alimentos que produzem mas leite, recebi muito conselho para amamentar meu bebê, e eu realmente queria muito que isso acontecesse! Tenho uma tia enfermeira

Anúncio

FECHAR

obstetra e que é altamente a favor da amamentação exclusiva!

Também antes de engravidar do Davi, acompanhei o desenvolvimento do meu irmão que hoje tem 2 anos, filho da atual esposa do meu pai, o Arthur mamou até os 6 meses, e eu queria muito que isso acontecesse com o meu Davi.

Tive um parto normal, tranquilo, o Davi nasceu as 21 horas do dia 27 de Fevereiro de 2013, foi um parto super humanizado, e logo que pude coloquei o Davi no peito, estava tudo tranquilo, até chegarmos em casa na manhã seguinte, ele estava sempre no meu colo e sempre no peito, mas o Davi chorava…chorava…. e eu colocava no peito ele mamava, se acalmava, mas depois logo logo estava chorando de novo.

Foi assim uns 2 dias seguidos, eu não conseguia dormir, ele tava sempre chorando e eu colocando ele no peito… Aí foi que vi que o meu peito estava apenas acalentando ele como  uma chupeta, mas que o leite que saia era muito pouco e não matava a fome dele de jeito nenhum.

Eu fiz de tudo sucos, muita água, tudo o que me ensinavam para o leite aumentar eu fiz, mas não adiantou ele chorava chorava… e era FOME! Eu não tive outro pensamento comprei uma lata de leite para bebê de 0 a 6 meses…. e ai ?! E ai que o Davi parou de chorar de fome,dormiu melhor…certo que trocava o dia pela noite, mas o choro já não era aquele de piedade…

Mesmo assim eu continuei com ele no peito, continuei insistindo na amamentação, sempre que meu peito enchia eu colocava o Davi para amamentar, ele adorava

mamar… A noite só dormia se fosse no meu peito, mas as mamadeiras de leite continuavam também para conseguir suprir a fome dele!

Eu continuei tomando muita água, sucos… tudo para ver se o leite aumentava… mas nada… era só aquilo ali e pronto..! O peito enchia eu amamentava o Davi e só Deus sabia quando ele enchia de novo! Mas quando ele aparecia… tava eu lá firme colocando

o Davi no peito! Tudo bem no 1º e 2 mês… no 3º mês do Davi a fome dele já aumentou muito e o leite do meu peito que continuava do mesmo jeito, quer dizer sem jeito de aparecer! Era apenas uma entrada para a mamadeira de leite!

E ele se deu muito bem com a fórmula que dou a ele, sempre fez cocô todos os dias, nunca teve diarréia, o peso adequado para idade, um bebê sadio, sem problema nenhum graças a Deus e que também por bebe uma mamadeira de leite antes de dormir, dorme a noite toda com 3 meses.

Hoje com 4 meses, mais esperto, eu ainda ofereço o peito, mas esses bebês de hoje são muito espertos, ele não quer mais! Sabe que na mamadeira (que ele até conhece quando vê) tem leite suficiente para matar sua fominha e ele ficar feliz! Sem ter que chorar com  fome!

Eu queria muito que o Davi fosse amamentado pelo menos até os 6 meses! Quis muito, fiz de tudo…! Mas não teve jeito mesmo! Eu realmente não consegui produzir leite suficiente para alimentá-lo, mas também não me sinto culpada por ele tomar fórmula!

Me sentiria se deixasse ele chorando, pedindo mais leite e eu sem nenhuma condição de lhe dar leite do peito! 

Fico besta quando vejo mães que não mudaram alimentação, não tomaram vitaminas, para ajudar na amamentação e tem leite ali para dar e doar!!! Acho que realmente é do organismo de cada mulher, eu posso não ter leite e minha irmã por exemplo ter muito leite!

Mesmo com toda campanha que hoje existe no Brasil e pela importância que sei muito bem que tem o leite materno, não me sinto culpada por dar fórmula ao Davi, na verdade me sinto um pouco triste pois queria que isso tivesse acontecido, mas já que não deu, sem culpa e sem choro de bebê com fome! Graças a Deus!