Notícias

Pesquisa aponta a presença de “super piolhos” nos Estados Unidos

Os insetos se tornaram resistentes aos medicamentos comuns e agora populações mais fortes começam a aparecer

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

super piolhos

Pesquisadores da Universidade de Southern Illinois desenvolveram um estudo que encontrou uma população de piolhos super-resistentes aos tratamentos comuns recomendados por profissionais de saúde em pelo menos metade dos estados dos Estados Unidos. Os pesquisadores analisaram mais de 109 amostras de populações de piolhos e encontraram a mutação de genes em 104 delas.

Os “super piolhos”, como foram apelidados nos EUA, são resistentes ao piteroides, inseticida bastante comum para combater muitos insetos e que está presente em muitos medicamentos que prometem acabar com o piolho. Durante a pesquisa, foram analisadas amostras de 30 estados americanos. Em 25 deles foi encontrada a mutação genética que torna os piolhos mais resistentes.

Anúncio

FECHAR

Para os pesquisadores, agora é necessário usar outros tipos de produtos para combater a infestação de piolhos, substâncias que não tenham como principal base o piteroides.